Cardozo disse ainda que espera que a operação Lava-Jato siga da forma independente, como tem sido até agora

Agência Câmara

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, mantido no cargo para o segundo mandato da presidente Dilma Rousseff, afirmou há pouco que é absolutamente natural que sejam feitos cortes nos orçamentos dos ministérios. “O desafio é tentar fazer que cada centavo valha por dois ou três”, acrescentou.

Em relação às investigações sobre a Petrobras, Cardozo disse que espera que a operação Lava-Jato siga da forma independente, como tem sido até agora.

Confira a lista de ministros de Dilma Rousseff:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.