São Paulo tem 119 urnas substituídas nas duas primeiras horas de votação

Por Agência Brasil |

compartilhe

Tamanho do texto

Na capital paulista, são 37 de um total de 24.529, o que corresponde a 0,15%, de acordo com boletim do TRE

Agência Brasil

Leonardo Benassatto/Futura Press
Idosa vota na manhã deste domingo em faculdade em São Paulo

Nas primeiras duas horas de votação foram substituídas no estado de São Paulo 119 urnas eletrônicas, de um total de 90.026. Na capital paulista, são 37 de um total de 24.529, o que corresponde a 0,15%, de acordo com boletim divulgado há pouco pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE). No interior, foram trocadas 82 urnas de um total de 65.497 (0,13%). Todas foram substituídas por urnas eletrônicas.

Leia mais: "Será difícil governar com tantos partidos", diz Chalita

Em todo o estado há 31.998.432 eleitores aptos, em 425 zonas eleitorais e 90.026 seções. Os locais de votação chegam a 10.261 e as seções especiais a 10.383. Na capital, são 8.782.406 pessoas que podem votar nas 58 zonas e 24.529, nos 1.984 locais de votação.

MAIS: Filas, santinhos e segurança reforçada. Veja o clima da votação do 2º turno

Homem passa por rua repleta de santinhos em Fortaleza, no Ceará. Camilo (PT) e Eunício (PMDB) disputam o segundo turno para o governo estadual. Foto: Marcelo Camargo/ABr Soldado reforça a segurança em colégio eleitoral na Favela da Maré, no Rio de Janeiro, no segundo turno das eleições. Foto: Leo Correa/APExército também vai às ruas em Fortaleza. No Ceará, além da votação para presidente, há disputa de 2º turno entre Camilo (PT) e Eunício (PMDB) para o governo . Foto: Marcelo Camargo/ABr Eleitora procura sua seção em colégio eleitoral no Complexo da Maré, zona norte do Rio de Janeiro. Foto: Tomaz Silva / Agência BrasilEleitora deficiente visual leva seu cão-guia para seção de votação neste domingo em Belo Horizonte, Minas Gerais. Foto: Sergio Moraes/ReutersEleitor Gabriel Takemoto, 24 anos, vota com camiseta de Sergio K em apoio a Aecio Neves nesta manhã em São Paulo. Foto: Vitor Sorano/iGEleitor exibe seu título no Colégio Otoniel Motta, em Ribeirão Preto, interior de São Paulo. Foto: Piton/Futura PressIdosa vota na manhã deste domingo em faculdade em São Paulo. Foto: Leonardo Benassatto/Futura PressEleitor usa camisa do Flamengo na votação do segundo turno das eleições no Complexo da Maré, no Rio de Janeiro. Foto: Leo Correa/APFila de eleitores logo pela manhã deste domingo na Favela da Maré, no Rio de Janeiro. Foto: Leo Correa/APFila de eleitores também na Rocinha, no Rio de Janeiro. Foto: Pilar Olivares/ReutersSantinhos são espalhados pelo chão da favela da Rocinha, no Rio de Janeiro. Os eleitores cariocas votam para presidente e para governador neste segundo turno . Foto: Pilar Olivares/Reuters

Neste ano, os eleitores de 15 municípios paulistas serão reconhecidos pela identificação biométrica: Águas de São Pedro, Analândia, Corumbataí, Embu das Artes, Ipeúna, Itirapina, Itupeva, Jundiaí, Louveira, Nuporanga, Sales Oliveira, Santa Gertrudes, Santa Maria da Serra, São Pedro e Vinhedo.

Para aqueles que escolheram votar em trânsito, o estado de São Paulo disponibilizou 55 seções, das quais 35 no interior. Na capital paulista, são nove locais de votação para os 10.017 eleitores cadastrados. Em todo o estado, esse número chega a 23.393 eleitores.

De acordo com os dados do TRE-SP, trabalham no segundo turno das eleições 416.904 mesários e 6.914 funcionários.

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas