Presidente reeleita, ela começou a militar na juventude, foi presa na ditadura e começou na política no RS

Dilma Rousseff , eleita a primeira mulher presidente do Brasil em 2010, conseguiu a reeleição. A petista nasceu em Belo Horizonte, em 1947, e começou a militância ainda na juventude, aos 16 anos. Começou no Polop (Organização Revolucionária Marxista - Política Operária), em 1964, e depois foi para o Colina (Comando de Libertação Nacional). Passou por treinamento de guerrilha, mas nega ter participado da luta armada.

Veja imagens de Dilma Rousseff:

Ela teve de viver na clandestinidade e, em 1970, foi presa em São Paulo e torturada. Apesar da condenação de seis anos e um mês, Dilma deixou a prisão depois de quase três anos. 

Em 1975, já morando em Porto Alegre, Dilma Rousseff começou a trabalhar na política, primeiro na Fundação de Economia e Estatística e, entre os anos de 1980 e 1990, com cargos no governo do Rio Grande do Sul. 

Depois de deixar o PDT, partido que ajudou a fundar, e se filiar ao PT em 2001, a economista chegou a Brasília. Foi nomeada ministra de Minas e Energia do presidente Lula em 2003 e, em 2005, assumiu a pasta da Casa Civil no lugar de José Dirceu. 

Ao final do segundo governo de Lula, Dilma foi lançada candidata do PT à Presidência e foi eleita a primeira mulher no comando do Brasil em outubro de 2010. Agora, conseguiu a reeleição e continua a ocupar o Palácio do Planalto.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.