Mais de um terço do eleitorado brasileiro escolhe hoje o futuro governador

Por Agência Brasil |

compartilhe

Tamanho do texto

São 30 nomes colocados na disputa em segundo turno, sendo dois para presidente da República e 28 disputando as chefias dos executivos estaduais

Agência Brasil

Divulgação/Nelson Jr./ ASICS/TSE
Urna eletrônica

Pouco mais de um terço do eleitorado nacional, ou seja, 49.820.703 eleitores, residentes em 13 estados e no Distrito Federal, voltam às urnas neste domingo (26) para votar em presidente da República e no governador de seu estado.

LEIA MAIS: Eleitores voltam às urnas para eleger presidente e 14 governadores

São 30 nomes colocados na disputa em segundo turno, sendo dois para presidente da República – Aécio Neves (PSDB) e Dilma Rousseff (PT) – e 28 disputando as chefias dos executivos estaduais.

A disputa pelos 14 cargos de governador, no dia 5 de outubro, contou com 83 candidatos, mas ficaram para concorrer ao cargo neste domingo (26) 28 candidatos, ou seja, os dois mais votados de cada um dos 13 estados e do DF. O primeiro turno para a Presidência da República foi disputado por 11 candidatos e agora estão no páreo os dois mais votados no último dia 5. À exceção do estado do Tocantins, os outros seis estados que integram a Região Norte vão escolher hoje, em segundo turno, o futuro governador.

FOTOS: Veja quem são os candidatos aos governos de estado do 2º turno:

Luiz Fernando Pezão (PMDB) e Marcelo Crivella (PRB) disputam no segundo turno para o governo do Rio de Janeiro. Foto: Fotos PúblicasJosé Ivo Sartori (PMDB) e Tarso Genro (PT) vão disputar o segundo turno pelo governo do Rio Grande do Sul. Foto: DivulgaçãoRodrigo Rollemberg (PSB) e Jofran Frejat (PR) vão ao segundo turno na disputa pelo governo do Distrito Federal. Foto: DivulgaçãoChico Rodrigues (PSB) e Suely Campos (PP) vão disputar o segundo turno em Roraima. Foto: DivulgaçãoTião Viana (PT) disputa segundo turno para o governo do Acre contra Marcio Bittar (PSDB). Foto: FacebookHelber Barbalho (PMDB) e Simão Jatene (PSDB) disputam o segundo turno para o governo do Pará. Foto: FacebookMarconi Perillo (PSDB) e Iris Rezende (PMDB) disputam o segundo turno em Goiás. Foto: DivulgaçãoHenrique Eduardo Alves (PMDB) e Robinson Faria (PSD) disputam o segundo turno no Rio Grande do Norte. Foto: DivulgaçãoEduardo Braga (PMDB) e José Melo (PROS) disputam o segundo turno no Amazonas. Foto: DivulgaçãoDelcídio do Amaral (PT) e Reinaldo Azambuja (PSDB) disputam o segundo torno pelo governo de Mato Grosso do Sul. Foto: DivulgaçãoConfúcio Moura (PMDB) e Expedito Júnior (PSDB) disputam o segundo turno em Rondônia. Foto: DivulgaçãoCássio Cunha (PSDB) e Ricardo Coutinho (PSB) disputam o segundo turno na Paraíba . Foto: DivulgaçãoCamilo Santana (PT) e Eunício Oliveira (PMDB) disputam o segundo turno no Ceará. Foto: DivulgaçãoWaldez (PDT) e Camilo Capiberibe (PSB) disputam o segundo turno no Amapá. Foto: Divulgação

O governo do Acre está sendo disputado pelo atual governador e candidato à reeleição Tião Vianna (PT), que obteve no primeiro turno 49,73% dos votos válidos, e pelo deputado federal Márcio Bittar (PSDB), que ficou com 30,1%. Concorrem ao governo do Amazonas o atual governador José Melo de Oliveira (PROS), que conquistou 43,04% dos votos válidos no primeiro turno, e o senador Eduardo Braga (PMDB), que conseguiu 43,16% dos votos.

A chefia do Executivo do Amapá está sendo disputada pelo atual governador Camilo Capiberibe (PSB), que ficou com 27,53% dos votos, e pelo ex-governador Waldez Góes (PDT), que conseguiu 42,18% dos votos válidos. Na disputa pelo governo de Rondônia estão o atual governador Confúcio Moura (PMDB), que consegui 35,86% dos votos, e o ex-senador Expedito Júnior (PSDB), que obteve 35,42% dos votos válidos no primeiro turno.

Disputam o governo de Roraima, em segundo turno, o atual governador Francisco Rodrigues (PSB), que conquistou 37,62% dos votos válidos no primeiro turno, e Suely Campos (PP), que obteve 41,48% dos votos. O atual governador do Pará, Simão Jatene (PSDB), que conseguiu 48,48% dos votos no primeiro turno, disputa a chefia do governo do estado com Helder Barbalho (PMDB), que conquistou 49,88% dos votos válidos.

Em três estados do Nordeste, a decisão sobre o futuro governador ficou para este domingo. O governo do Ceará está sendo disputado pelo senador Eunício Oliveira (PMDB) que, no primeiro turno, ficou com 46,41% dos votos válidos, e pelo deputado estadual Camilo Santana (PT), que conquistou 47,81% dos votos. O presidente da Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB), que obteve 47,34% dos votos em primeiro turno, disputa o governo do Rio Grande do Norte com o vice-governador Robinson Faria (PSD), que recebeu os votos de 42,04% do eleitorado.

O governo da Paraíba está sendo disputado pelo atual governador Ricardo Coutinho (PSB), que conseguiu 46,05% dos votos no primeiro turno, contra o ex-governador e senador Cássio Cunha Lima (PSDB), que ficou com 47,44% dos votos válidos. O senador Rodrigo Rollemberg (PSB), que obteve 45,23% dos votos válidos, disputa o governo do Distrito Federal contra o ex-deputado Jofran Frejat (PR), que recebeu 27,97% dos votos válidos no primeiro turno.

Disputam o governo de Goiás, em segundo turno, o atual governador Marconi Perillo (PSDB), que ficou com 45,86% dos votos no primeiro turno, e o ex-governador Iris Resende (PMDB), que conquistou 28,4% dos votos válidos. Estão co ncorrendo ao governo de Mato Grosso do Sul o senador Delcído Amaral (PT), que obteve 42,92 dos votos na primeira disputa, e Reinaldo Azambuja (PSDB), que ficou com 39,09% dos votos válidos.

O governador Tarso Genro (PT), que conseguiu 32,57% dos votos dos gaúchos em primeiro turno, disputa o governo do Rio Grande do Sul contra o peemedebista José Ivo Sartori, que ficou com 40,4% dos votos válidos. O comando do governo do Rio de Janeiro está sendo disputado neste domingo entre o atual governador Luiz Fernando de Souza (Pezão) (PMDB), que conquistou 40,57% dos votos no primeiro turno, e o senador Marcelo Crivella (PRB), que obteve 20,26% dos votos válidos.

Leia tudo sobre: Eleições 2014governadorgoverno

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas