Em todo o estado, aproximadamente 2,8 milhões de paraibanos devem ir às urnas neste domingo (26)

Agência Brasil

Em João Pessoa, cidade turística e famosa por suas 55 praias, muitos turistas aproveitaram o domingo com sol entre nuvens para justificar a ausência na votação. De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), esses eleitores devem preencher o requerimento de justificativa eleitoral e podem entregar o documento em qualquer uma das 1.470 seções da capital.

Veja como está o clima do segundo turno das eleições neste domingo (26):

O taxista Nerivaldo da Silva foi com a esposa, os dois filhos e a neta visitar o município. A família, que deve passar cinco dias na região, deixou de ir à praia para ficar quite com a Justiça Eleitoral. "É importante justificar para não dar problema depois. É melhor tirar um tempinho agora que ter dor de cabeça mais para frente."

Leia mais: Relembre os 28 momentos mais importantes das eleições deste ano

A professora Benivalda Lopes também reservou um tempo para a justificativa. Ela foi a João Pessoa com uma excursão de 60 pessoas de Salgueiro, em Pernambuco. Todo o grupo foi de ônibus ao colégio eleitoral para justificar a ausência.

A turma programou a viagem há alguns meses e acreditou que a eleição seria decidida no primeiro turno. “A gente achou que não ia para o segundo turno. Mas como foi e já tínhamos pagado a viagem, decidimos manter o passeio. E justificar é uma maneira também de exercer a cidadania.”

A capital também disponibiliza três urnas para o voto em trânsito. De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba, 1.055 eleitores de outros Estados devem votar para presidente da República na Paraíba. Em todo o Estado, aproximadamente 2,8 milhões de paraibanos devem ir às urnas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.