Em ato de apoio a candidato do PSDB, em São Paulo, militantes tucanos não escondem ojeriza ao PT; veja vídeo

Alguns entoavam gritos de ordem contra o PT entre goles numa garrafa da cerveja da marca Stella Artois, outros não perdiam a oportunidade de fazer um autorretrato com seus celulares, as famosas selfies. Da mesma forma, os telefones móveis eram usados para colocar imagens e vídeos da própria manifestação de apoio a Aécio Neves (PSDB), no Largo da Batata, na zona oeste de São Paulo, nas redes sociais.

Mesmo sendo definido pelos seus militantes como popular, o ato batizado como 'tucanasso', realizado na última quarta-feira (22), foi marcado por mulheres maquiadas e vestidas com sobretudo e homens engravatados de terno e sapatos bem engraxados. As vestimentas contrastam com as de manifestantes que tomaram o mesmo local no bairro paulistano de Pinheiros há mais de um ano, no movimento que ficou conhecido como protestos de junho de 2013. 

Leia mais: Ronaldo e Wanessa se juntam a mil tucanos em ato de apoio a Aécio

Marcado para as 19h -  horário propício para os trabalhadores que deixavam os escritórios da região no final da tarde - o ato reuniu cerca de mil tucanos, segundo dados da Polícia Militar, tomando o Largo da Batata. Apesar de não ter a presença de Aécio, que estava em Belo Horizonte, o evento contou com cabos eleitorais famosos do candidato do PSDB, como o ex-jogador Ronaldo e a cantora Wanessa. Além de tucanos do primeiro time, como o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e Jóse Serra, senador eleito por São Paulo.  

Questionados pela reportagem do iG , os militantes tucanos listaram os motivos para votar em Aécio para à Presidência, como você pode ver no vídeo acima.  

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.