Relatório produzido pelo deputado Marcos Rogério (PDT-RO) ainda precisará ser lido e apreciado na comissão. Argôlo é acusado de ter ligações com o doleiro Alberto Yousseff

Agência Câmara

O Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara dos Deputados se reúne nesta terça-feira (14) para votar o parecer do deputado Marcos Rogério (PDT-RO) sobre o processo contra o deputado Luiz Argôlo (SD-BA). O relatório ainda precisa ser lido no Conselho e discutido, pois ainda não foi apresentado pelo deputado Marcos Rogério.

Deputado federal Luiz Argôlo responde por ligações com o doleiro Alberto Yousseff
Agência Câmara
Deputado federal Luiz Argôlo responde por ligações com o doleiro Alberto Yousseff

Argôlo responde a processo por quebra de decoro parlamentar, em razão de suposta ligação com negócios ilegais do doleiro Alberto Youssef, preso na operação Lava Jato da Polícia Federal.

A reunião será realizada às 15 horas, no plenário 11.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.