Tucano pediu para contatos disseminarem mensagem e pediu que e preveniu eleitores de ataques que virão do lado petista

A campanha do tucano Aécio Neves (PSDB) à Presidência resolveu investir em propaganda eleitoral também no aplicativo Whatsapp. Num vídeo de 36 segundos, o senador mineiro pede votos e reforça que os adversários tentarão impor uma agenda de mentiras a fim de tentar abalar sua candidatura.

Aécio Neves inova na campanha eleitoral e aposta em interação no Whatsapp
Agência Brasil
Aécio Neves inova na campanha eleitoral e aposta em interação no Whatsapp

Leia mais:  Datafolha: Sul, Sudeste e Centro Oeste votam em Aécio; Norte e Nordeste em Dilma

Jogo começa agora, dizem analistas após pesquisas e volta do horário eleitoral

Na contramão de países desenvolvidos, Dilma e Aécio negam legalização do aborto


Veja o vídeo gravado por Aécio para o aplicativo Whatsapp:


"Estamos a poucos dias de mudar de verdade o Brasil. É claro que eles [os petistas] estão assustados. então, nessa hora vai [sic] vir a pancadaria, as ofensas, as calúnias". E encerra: "Vamos rebater as mentiras com a verdade".

A reportagem do iG tentou contato com a assessoria da campanha da presidente Dilma Rousseff (PT) para apurar se a campanha petista pode vir a fazer movimento semelhante. A campanha da presidente ainda não retornou sobre o tema.  

Veja imagens da campanha de Dilma e Aécio:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.