Comentário é uma resposta sobre a possibilidade de alterar propostas para conquistar apoio formal de Marina Silva (PSB)

Reuters

Aécio: acenos cautelosos a Marina
Ricardo Moraes/Reuters - 9.10.14
Aécio: acenos cautelosos a Marina

O candidato do PSDB à Presidência, Aécio Neves , afirmou nesta quinta-feira que seu programa de governo é uma obra em construção e que contribuições são bem-vindas sem "abdicar do que acreditamos".

O comentário foi uma resposta a um questionamento de repórteres sobre suposta negociação de temas de seu programa de governo para que o tucano assegure um apoio da terceira colocada no primeiro turno, a candidata Marina Silva (PSB) .

Ele disse ainda não ter recebido qualquer demanda específica de Marina, que ainda não se posicionou em relação ao segundo turno.

Denúncia na Petrobras envolve diretamente tesoureiro de Dilma, diz Aécio

Sem citar nominalmente o tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, Aécio acusou-o de estar diretamente envolvido com o desvio de recursos da Petrobras, por meio de fornecedores, denunciado pelo ex-diretor Paulo Roberto Costa, preso pela Polícia Federal. 

Em depoimento de Costa à Justiça Federal, Costa afirmou que o PT ficava com 2% dos contratos da diretoria de Abastecimento - o PT diz que as acusações são "caluniosas".

"Hoje, o vazamento de uma delação premiada de alguém que integrava esse esquema que a Polícia Federal chama de organização criminosa no seio da Petrobras aponta na direção de algo institucionalizado e que envolve diretamente o tesoureiro do partido político que governa o Brasil há doze anos", disse o tucano."É um diretor que atuava dentro desse esquema alimentava diretamente o partido que está no governo."

* com informações da Reuters

Leia também: Aécio pode alterar programa de governo para garantir apoio de Marina


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.