Deputado Rui Falcão afirmou que toda campanha de ódio deve ser repelida; ele completou que sigla não usa robôs nas redes sociais

O presidente nacional do PT, deputado Rui Falcão, disse nesta quarta-feira (8) que o partido está atento às manifestações feitas em redes sociais contra povo nordestino, contra o partido e contra a candidata à reeleição, Dilma Rousseff. 

Reprodução da página da comunidade 'Dignidade Médica, que conta com quase 100 mil usuários
Reprodução
Reprodução da página da comunidade 'Dignidade Médica, que conta com quase 100 mil usuários

Leia mais: Comunidade médica prega holocausto no Nordeste em campanha contra Dilma na web

Disputa presidencial gera surto de preconceito contra nordestinos

"Toda a campanha de ódio deve ser repelida por nós. Vamos propor novas ideias e não vamos enveredar por esse caminho ainda que os nossos adversários muitas vezes enveredam por esse caminho. Não somos nós que trabalhamos com robôs nas redes", defendeu o presidente nacional do PT.

Falcão também fez referências às manifestações do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) que, recentemente, sugeriu que os eleitores do Partido dos Trabalhadores se limitavam a estratos menos informados da população.

Veja a galeria com os posts:


"Nós temos notado [os ataques]. Há uma declaração infeliz do ex-presidente dizendo que os eleitores do Nordeste são poucos informados, dando a entender que são analfabetos. O ódio não constrói nada. Só destroi. Não há campanha contra isso", relembrou Falcão. 


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.