Resultado de eleição muda em Roraima: Suely e Rodrigues vão ao 2º turno

Por Agência Brasil | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Segundo TRE, não houve tempo hábil para computar votos da candidata da PP, que teve candidatura aprovada na quinta

Agência Brasil

Diferentemente do informado, o estado de Roraima terá segundo turno na eleição estadual. Durante o dia, os votos para a candidata Suely Campos (PP) não foram computados e, por isso, Chico Rodrigues (PSB) foi considerado eleito governador. No entanto, o Tribunal Regional Eleitoral de Roraima (TRE-RR) informou no final da noite da última segunda-feira (07) que os votos para Suely Campos não haviam sido computados pelo sistema oficial de divulgação dos resultados porque o registro da candidata só foi aprovado na última quinta-feira (2).

Segundo o TRE, não houve tempo hábil para inserir no sistema do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) os dados da candidata. No entanto, os votos agora estão sendo divulgados pelo TRE-RR.

De acordo com o TRE, com 100 das urnas apuradas, Suely Campos aparece em primeiro lugar, com 100.793 do total de votos; Chico Rodrigues (PSB) vem em segundo, com 91.578 votos; e Ângela Portela (PT), com 43.897 votos. Com esse resultado, Suely Campos e Chico Rodrigues vão disputar o segundo turno.

Divulgação
Suely Campos (PP) e Chico Rodrigues (PSB) vão disputar o 2º turno em Roraima


Suely foi anunciada, no dia 13 de setembro, como substituta de seu marido, Neudo Campos (PP), que concorria ao governo de Roraima. A candidatura de Neudo Campos foi rejeitada pela Justiça Eleitoral de Roraima, em função de uma condenação por peculato 6e rejeição de contas pelo Tribunal de Contas de União (TCU). A candidata já ocupou vários cargos públicos: foi deputada federal, de 2009 a 2012, vice-prefeita de Boa Vista e secretária estadual do Trabalho e Bem-Estar Social.

Engenheiro agrônomo, especializado em políticas públicas e desenvolvimento rural e urbano, Chico Rodrigues conquistou o primeiro mandato como vereador em Boa Vista (RR), em 1988. Foi deputado federal por cinco mandatos consecutivos (1991, 1995, 1999, 2003 e 2007) e, nas últimas eleições, em 2010, se candidatou vice-governador na chapa encabeçada por Anchieta pelo DEM.

Mais: Desafio dos 4 candidatos de Roraima é tirar PIB do Estado da última colocação

O político também foi filiado ao PMDB e migrou para o PSB depois de um convite feito por Eduardo Campos, ex-governador de Pernambuco morto em um acidente aéreo este ano. Rodrigues comandou, em 1983, a Secretaria de Estado da Agricultura do estado e coordenou a Comissão de Planejamento Agrícola em Roraima. Entre 2012 e 2013, ocupou o cargo de secretário de Estado da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa).

Suely Campos tornou-se candidata ao governo de Roraima após o marido, Neudo Campos (PP), ter a candidatura rejeitada pela Justiça Eleitoral de Roraima, em função de uma condenação por peculato e rejeição de contas pelo Tribunal de Contas de União (TCU). Suely, de 61 anos, disputa pela primeira vez o governo do estado.

Leia tudo sobre: Eleições 2014eleições 2014 rr

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas