Candidata inicia viagens por João Pessoa, onde se reune na noite de quarta-feira (8) com prefeitos e líderes políticos

Agência Brasil

A candidata do PT à reeleição, Dilma Rousseff , começa nesta quarta-feira (8) um roteiro por pelo menos quatro capitais do Nordeste na campanha para o segundo turno das eleições.

Dilma teve quase 60% dos votos da Região Nordeste no primeiro turno, com vitória em todos os estados, à exceção de Pernambuco, onde ficou atrás da candidata do PSB, Marina Silva. O estado é o berço político do ex-governador Eduardo Campos, morto em um acidente aéreo em agosto, durante a campanha presidencial.

Leia mais: Dilma chegou em primeiro por causa de melhor avaliação do governo

A candidata petista inicia a viagem por João Pessoa, onde se reunirá nesta quarta (8) à noite, em ato político, com prefeitos e líderes políticos paraibanos. Na quinta-feira (9), Dilma tem agenda em Salvador, onde também se reunirá com prefeitos, líderes politicos e apoiadores de sua campanha, entre eles, o atual governador, Jaques Wagner, e o governador eleito, Rui Costa, ambos do PT. Após o encontro, a candidata participará de uma caminhada que terminará na Igreja de Nosso Senhor do Bonfim, tradicional ponto turístico da capital baiana.

Veja fotos de Dilma Rousseff em campanha na eleições 2014: 


De Salvador, Dilma seguirá para Aracaju, onde participará de ato político com apoiadores. Da capital sergipana, Dilma irá a Maceió para encontros com líderes e prefeitos que apoiam sua reeleição.

2º turno: Dilma e Aécio preparam confronto sobre eficiência, economia e corrupção

Além do Nordeste, a agenda de viagens de Dilma na primeira semana de campanha do segundo turno ainda inclui idas a Belo Horizonte, na sexta-feira (10), e ao Rio Grande do Sul e a Santa Catarina no sábado (11).

Em seguida, a campanha de Dilma deverá concentrar esforços em São Paulo, maior colégio eleitoral do país, onde a candidata à reeleição foi derrotada pelo candidato do PSDB, Aécio Neves, no primeiro turno por uma diferença de mais de 4 milhões de votos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.