Candidato do PMDB superou o atual governador Sandoval Cardoso (SD) com mais de 51% dos votos válidos

Marcelo Miranda recebeu apoio do ex-presidente Lula durante a campanha para o governo de Tocantins
Divulgação
Marcelo Miranda recebeu apoio do ex-presidente Lula durante a campanha para o governo de Tocantins

O empresário Marcelo Miranda (PMDB), de 52 anos, assegurou já no primeiro turno sua vitória na eleição para o governo de Tocantins. No pleito deste domingo, com 100% das urnas apuradas, Miranda teve 51,2% dos votos válidos, superando o atual governador, Sandoval Cardoso (SD). Esta será a terceira vez que Miranda irá comandar o Estado de Tocantins.

LEIA MAIS:  Dilma Rousseff e Aécio Neves vão duelar no segundo turno

Miranda, que iniciou sua carreira política como deputado estadual pelo antigo PFL (atual DEM), nos anos 90, foi eleito governador em 2002 e 2006. Em 2009, ele foi cassado por abuso de poder econômico e político na eleição anterior, acusado de distribuir a eleitores brindes, prêmios, casas, óculos, cestas básicas e consultas médicas por meio do programa social do governo.

Acompanhe a apuração das eleições 2014 no iG

Em 2010, Marcelo Miranda chegou a se eleger senador por Tocantins, mas teve sua candidatura cassada por ter sido enquadrado na Lei da Ficha Limpa.

Na campanha deste ano, Miranda prometeu implantar um novo modelo regional de atendimento para a saúde, a partir da criação da Superintendência Estadual de Administração dos Hospitais Regionais. Ele também se comprometeu a aumentar os investimentos na área. Outras promessas são a criação de escolas com educação integral e a inserção da pesquisa científica na base curricular do ensino médio.

Conheça os governadores eleitos no primeiro turno:



    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.