Com 99% das urnas apuradas, Braga (PMDB) superou por pequena margem de votos o atual governador (PROS)

O novo governador do Amazonas será conhecido apenas no segundo turno, no próximo dia 26 de outubro. Com 99,97% das urnas apuradas, foi definido que Eduardo Braga (PMDB) tentará seu terceiro mandato no estado contra José Melo (PROS), que busca a reeleição, embora tenha sido eleito em 2010 como vice-governador na chapa de Omar Aziz.

Veja os governadores que foram eleitos neste domingo


Na eleição deste domingo, Braga chegou na primeira posição com uma pequena margem de vantagem sobre Melo - 43,15% contra 43,04% dos votos válidos, respectivamente. Em terceiro na disputa do primeiro turno chegou Marcelo Ramos (PSB), com 10,94%.

Eduardo Braga governou o Amazonas por dois mandatos consecutivos entre 2002 e 2010. É formado em engenharia elétrica pela Universidade Federal do Amazonas. Nas últimas eleições, o peemedebista se elegeu senador com 42% dos votos. Sua carreira política, no entanto, começou na década de 1980, quando se elegeu vereador de Manaus.

Acompanhe tudo sobre as eleições 2014 no iG 

Posteriormente, em 1994, ele também seria eleito prefeito da capital. Antes disso, foi deputado estadual e deputado federal. No Senado, atualmente, é considerado uma das lideranças de seu partido e ocupa a líderança do governo na Casa.

Economista formado pela Universidade Federal do Amazonas, José Melo, conhecido também como professor José Melo, foi eleito deputado federal duas vezes, em 1994 e em 1998. Em 2002, se tornou deputado estadual e em 2010, foi eleito vice-governador, na chapa de Omar Aziz. Com a saída de Aziz para concorrer ao Senado em abril passado, ele assumiu o cargo de governador do Amazonas.

 *  Com Agência Brasil
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.