Após resultados inesperados, internautas criticam Ibope e Datafolha

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Diferença na porcentagem de votos de Aécio Neves provocou revolta nas redes sociais

Eleitores criticam institutos de pesquisa pelo Twitter. Foto: Reprodução/TwitterEleitores criticam institutos de pesquisa pelo Twitter. Foto: Reprodução/TwitterEleitores criticam institutos de pesquisa pelo Twitter. Foto: Reprodução/TwitterEleitores criticam institutos de pesquisa pelo Twitter. Foto: Reprodução/TwitterEleitores criticam institutos de pesquisa pelo Twitter. Foto: Reprodução/TwitterEleitores criticam institutos de pesquisa pelo Twitter. Foto: Reprodução/Twitter


Após o anúncio de que haverá segundo turno nas eleições à presidência com Dilma Rousseff (PT) e Aécio Neves (PSDB), a internet ficou recheada de críticas ao Ibope e ao Datafolha.

Tudo porque a chegada de Aécio à disputa final foi com uma porcentagem muito além do que a divulgada pelos institutos de pesquisa nas prévias.

Assim que foi anunciado o resultado, o candidato do PSDB estava com cerca de 34% dos votos. Ou seja, 10% a mais do que o Ibope informava um dia antes das eleições.

Os internautas não perdoaram a falha. “Impressão minha ou o IBOPE erra mais que o Felipão na Copa?”, comentou o ex-apresentador da Record Celso Cavallini. Um internauta brincou sobre a margem de erro do Ibope que, segundo o instituto é de dois pontos porcentuais para mais ou para menos. “Nova definição de margem de erro do Ibope: 50% para mais ou para menos”, escreveu.

Já, outra, ainda falou sobre os comentários do apresentador william Bonner em defesa do instituto. “Bonner dando desculpas pelos nnúmeros mentirosos dos institutos de pesquisa e IBOPE e DATAFOLHA. Não viaja @realwbonner”.

Leia tudo sobre: Eleições 2014

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas