Rollemberg mantém liderança no DF, segundo Datafolha

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Candidato do PSB tem 39% das intenções de voto; briga pelo segundo turno é equilibrada entre Jofran Frejat (PR) e o governador Agnelo Queiroz (PT)

Pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira (2) mostra liderança do senador Rodrigo Rollemberg (PSB) na disputa ao governo do Distrito Federal com 39%. PR e PT polarizam a briga para chegar ao segundo turno, segundo o estudo, desta vez com vantagem para Jofran Frejat, que soma 23% contra 21% de Agnelo Queiroz.

Divulgação
Rodrigo Rollemberg mantém vantagem na corrida ao governo do Distrito Federal

Leia mais: Rollemberg tem 32%; Frejat, 24%; e Agnelo, 19% no Distrito Federal, aponta Ibope

De candidato ao governo, Arruda vira cabo eleitoral

Governo no DF: Rollemberg tem 35%, Agnelo, 22%, e Frejat, 19%, diz Datafolha



Veja os números:

- Rodrigo Rollemberg (PSB): 39%

- Jofran Frejat (PR): 23%

- Agnelo Queiroz (PT): 21%

- Luiz Pitiman (PSDB): 4%

- Toninho do PSOL (PSOL): 3%

- Perci Marrara (PCO): 0%

- Branco/nulo: 4%

- Não sabe/não respondeu: 5%

No levantamento anterior, realizado pelo instituto nos dias 25 e 26 de setembro, Rollemberg tinha 35%, Agnelo, 22%, e Frejat, 19%.

Segundo turno

O Datafolha simulou três cenários no segundo turno.

No primeiro, quando a disputa se dá entre Rollemberg e Agnelo, o candidato do PSB venceria com 65% ante 25% do petista. Branco, nulo ou nenhum somaram 7%. Outros 4% não souberam responder.

No segundo cenário, quando a disputa ocorre entre Frejat e Agnelo, o candidato do PR venceria com 51% contra 35% do atual governador. Branco, nulo ou nenhum somaram 10%. Outros 4% não souberam responder.

No terceiro cenário, quando o duelo é simulado entre Rollemberg e Frejat, o senador venceria com 56% ante 30% do postulante do PR. Branco, nulo ou nenhum somaram 9%. Outros 4% não souberam responder.

Rejeição e aprovação do governo

O Datafolha também mediu a rejeição dos candidatos. A maior é do atual governador, Agnelo, com 51%, seguido de Frejat (26%), Pitiman (23%), Toninho e Perci (21%) e Rollemberg (12%).

A gestão Agnelo Queiroz também foi avaliada no levantamento. Segundo o Datafolha, 23% consideram a gestão "ótima" ou "boa"; enquanto 36% a consideram "regular”; e 39%, “ruim" ou "péssima”. Não sabem ou não responderam somaram 1%. De acordo com o levantamento, a nota média obtida pela administração petista no DF foi de 4,6, numa escala de 0 a 10 pontos.

O pesquisa Datafolha foi realizada nos dias 1º e 2 de outubro e entrevistou 1.199 eleitores em todo o Distrito Federal. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos.

A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sob o protocolo número DF-00063/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob protocolo número BR-000933/2014.

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas