Paulo Skaf (PMDB) aparece em segundo com 22% e Alexandre Padilha (PT) soma os mesmos 11% do último levantamento

Pesquisa Datafolha encomendada pela TV Globo e pelo jornal Folha de S.Paulo divulgada nesta quinta-feira (2) sinaliza que o governador Geraldo Alckmin (PSDB) pode ser reeleito no primeiro turno na sucessão paulista.

Geraldo Alckmin alcançou 50% e mantém estabilidade na corrida eleitoral paulista
Divulgação
Geraldo Alckmin alcançou 50% e mantém estabilidade na corrida eleitoral paulista

O tucano tem 50% das intenções de voto contra 22% do segundo colocado Paulo Skaf (PMDB) e 11% do petista Alexandre Padilha. Votos branco e nulos somam 7%, mesmo índice dos que não sabem ou não responderam.

Veja os números:

Geraldo Alckmin (PSDB) – 50%

Paulo Skaf (PMDB) – 22%

Alexandre Padilha (PT) – 11%

Gilberto Natalini (PV) – 1%

Laércio Benko (PHS) – 1%

Gilberto Maringoni (PSOL) – 1%

Raimundo Sena (PCO) – 0%

Wagner Farias (PCB) – 0%

Walter Ciglioni (PRTB) – 0%

Brancos e nulos: 7%

Não sabe: 7%

Leia mais:  Datafolha: Alckmin lidera em São Paulo e pode vencer no primeiro turno

Com Alckmin sob ataque, falta de água em SP domina debate

Subindo em pesquisa, Skaf e Padilha se unem para atacar Alckmin no último debate

No levantamento anterior, realizado pelo instituto nos dias 29 e 30 de setembro, o tucano tinha 49%, seguido por Skaf (23%) e Padilha (10%).

O levantamento foi realizado nos dias 1º e 2 de outubro. Foram entrevistados 2.112 eleitores em 60 municípios do estado. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos.

A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo Nº SP-00054/2014 e BR-00933/2014.

Veja a galeria com as imagens da campanha:



    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.