Filho de Campos faz primeiro comício 40 dias após morte do pai

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Ele e a mãe, Renata Campos, são os principais cabos eleitorais do candidato do PSB ao governo pernambucano

Considerado o herdeiro político da família Arraes, o garoto João Henrique Campos (20) fez seu primeiro comício 40 dias depois da morte do pai, o ex-governador de Pernambuco e então presidenciável Eduardo Campos, morto no dia 13 de agosto após um acidente de avião que mobilizou o País.

Reprodução/Facebook
João Campos, à direita, em comício de Paulo Câmara, candidato ao governo de Pernambuco

João participou de uma caminhada antes de subir ao palanque da cidade de Barreiros, na zona da Mata Sul, interior do Estado. Ele e a mãe, Renata Campos, são os principais cabos eleitorais do candidato do PSB ao governo pernambucano, Paulo Câmara, atrás nas pesquisas até a morte do padrinho político.

João Henrique, 20 anos: o sucessor político, e de sangue, de Eduardo Campos


Assim como a mãe, João vem participando de algumas inserções de rádio e TV no programa eleitoral do candidato, hoje com 38% das intenções de voto, contra 32% de Armando Monteiro (PTB).

Com um discurso preparado, João afirmou que Câmara era o craque de um time em que o pai era o técnico. Depois, assustou os eleitores ao dizer que faltam 13 dias para a eleição e que uma escolha diferente da indicada por ele seria "um passo atrás".

Na rede social do candidato, João e Renata são citados como os principais avalistas de sua candidatura.

Herdeiro político: filho de Campos perdeu quedas de braço para a prima vereadora

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas