No levantamento, Marina interrompe crescimento, mas ainda bateria Dilma num eventual segundo turno

O Datafolha divulgou nova pesquisa de intenção para a Presidência da República, com números estáveis em relação à última pesquisa do instituto. O levantamento mostrou que a candidata Marina Silva (PSB) interrompeu sua trajetória de crescimento, permanecendo com 34%. A presidente e candidata à reeleição Dilma Rousseff (PT) subiu um ponto percentual, chegando a 35%. Pela margem de erro, as duas estão empatadas.

Aécio Neves (PSDB) caiu mais uma vez, como vem acontecendo nas últimas pesquisas. Ele perdeu um percentual, ficando com 14%.

Na simulação de segundo turno, Marina bateria Dilma de 48% a 41%. Se o adversário fosse Aécio, a petista sairia vitoriosa sobre o tucano, com 49% a 38%

Ibope: Dilma vai a 37%, Marina a 33% e Aécio cai para 15% .

Pela primeira vez, o Datafolha promeveu uma simulação  de segundo turno sem a presença de Dilma no embate. Com isso, Marina teria uma vitória acachapante sobre Aécio, com exatamente o dobro de intenções de voto dele, com  56% a 28%.

O Datafolha entrevistou 10.054 pessoas entre os dias 1 e 3 de setembro. A pesquisa foi encomendada pelo jornal Folha de S. Paulo.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.