Morte de Campos: governador de SP, Geraldo Alckmin chega ao IML

Por Bruna Talarico - iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Parentes e políticos aguardavam os resultados da perícia em SP

Bruna Talarico/iG São Paulo
Governador de São Paulo, Geraldo Alckmin chega ao IML para acompanhar o reconhecimento dos corpos das vítimas do acidente que matou Eduardo Campos

O governador do estado de São Paulo e candidato a reeleição Geraldo Alckmin (PSDB-SP), chegou ao Instituto Médico Legal (IML) da capital paulista no final da manhã deste sábado (16).

Acompanhado de assessores, o tucano acompanha a liberação dos corpos das pessoas que morrem no mesmo acidente de avião que vitimou o candidato à presidência pelo PSB, Eduardo Campos, na quarta-feira (13). Os resultados devem ser divulgados no início da tarde.

LEIA TAMBÉM: Parente de assessor diz que ele era um menino maravilhoso

Além de parentes próximos das vítimas, como a mãe do fotógrafo da campanha, Alexandre Severo, também passaram pelo IML o prefeito de Recife, Geraldo Julio (PSB-PE), e o deputado federal Júlio Delgado (PSB-MG). O governador de Pernambuco, João Lyra Neto (PSB-PE) também está no local.

Na noite de sexta-feira (15), o IML de São Paulo divulgou uma nota confirmando que os primeiros resultados dos exames de DNA das vítimas do acidente aéreo que matou o candidato à Presidência Eduardo Campos (PSB) nesta semana ficam prontos no sábado.

Segundo a nota, o perfil genético de seis vítimas, entre elas o presidenciável, já estava pronto. São 50 peritos trabalhando no caso, 10 deles especialistas em DNA pelo Instituto de Criminalística.

Familiares e admiradores deixam flores e bilhetes no IML de São Paulo. Foto: Bruna Talarico/iG São Paulo"Eduardo Campos, valeu por ter tentado", diz o recado deixado junto a uma flor no IML de São Paulo. Foto: Bruna Talarico/iG São PauloBandeira de Pernambuco com faixas pretas de luto ao lado da bandeira do Brasil são vistas no IML de São Paulo. Foto: Bruna Talarico/iG São PauloNo IML de São Paulo, 50 peritos trabalham no caso, sendo que 10 deles são especialistas em DNA pelo IC (Instituto de Criminalística). Foto: Bruna Talarico/iG São PauloGovernador de São Paulo, Geraldo Alckmin chega ao IML para acompanhar o reconhecimento dos corpos das vítimas do acidente que matou Eduardo Campos. Foto: Bruna Talarico/iG São PauloDeputado federal Julio Delgado dá informações a imprensa sobre o fim da perícia dos corpos de Campos e seus assessores mortos em um acidente de avião. Foto: Bruna Talarico/iG São Paulo


compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas