CPMI da Petrobras retoma atividades na quarta

Por Agência Brasil |

compartilhe

Tamanho do texto

Interrompida desde a morte de Campos, comissão deve ouvir gerente jurídico e diretor de segurança empresarial da estatal

Agência Brasil

Agência Brasil
Ainda não foi marcado o novo depoimento d ex-diretor da área internacional da Petrobras, Nestor Cerveró

Após cancelar suas atividades por causa da morte do ex-governador de Pernambuco e candidato do PSB à Presidência da República, Eduardo Campos, a Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CMPI) da Petrobras volta a se reunir na próxima quarta-feira (20).

Com a retomada das atividades, os parlamentares devem ouvir os depoimentos do gerente jurídico internacional da estatal, Carlos Cesar Borromeu de Andrade, e do diretor de Segurança Empresarial da empresa, Pedro Aramis de Lima Arruda.

Na reunião de quarta-feira (13), cancelada após o acidente aéreo em que morreram Eduardo Campos e mais seis pessoas, a CPMI iria colher o depoimento do ex-diretor da Área Internacional da Petrobras Nestor Cerveró. Ainda não foi marcada nova data para esse depoimento.

A CPMI da Petrobras investiga denúncias de superfaturamento em obras da empresa e os prejuízos por ela sofridos na compra da Refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos. Os parlamentares investigam ainda o suposto pagamento de propina a funcionários da estatal para fechamento de contratos internacionais.

Leia também: Apesar de instalada, CPMI do Metrô só iniciará trabalhos em setembro

Leia tudo sobre: CPMI Petrobas

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas