Como consultor de Aécio, FHC ganha importância no projeto eleitoral do PSDB

Por Marcel Frota - iG Brasília |

compartilhe

Tamanho do texto

Escondido por tucanos que concorreram antes à Presidência, FHC agora é visto como viga mestra da candidatura de Aécio

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso adquiriu, com o presidenciável Aécio Neves, um novo papel no esforço eleitoral do PSDB. Renegado ou escondido por candidatos tucanos que tentaram a Presidência da República desde 2002, FHC agora é considerado a viga mestra da candidatura Aécio. A presença do ex-presidente e de seu legado voltaram a ser tema livre num partido que pagou pela impopularidade de algumas medidas adotadas durante as duas gestões do ex-presidente, principalmente por causa de sua política de privatizações, tema usado pelo PT para amedrontar o eleitor.

Blog do Kennedy: Por que Aécio recupera FHC

Facebook Oficial de Aécio Neves
Aécio Neves e o ex-presidente Fernando Henrique durante a Convenção Nacional do PSDB (foto de arquivo)

Junho: Aécio chega de mãos dadas com FHC à convenção do PSDB

Diferentemente do que ocorreu em eleições passadas, FHC tem atuado como consultor de luxo de Aécio. A relação do ex-presidente com o senador mineiro é quase diária. Interlocutores próximos afirmam que, em alguns casos, Aécio fala mais de uma vez por dia com o ex-presidente. Dizem que FHC opina sobre programa de governo, abordagens em discursos e sobre o cenário político nacional. Em momentos de crise, ele também é consultado. Esses contatos são muito cordiais e FHC é, em geral, muito bem humorado, dizem aliados.

FHC não deverá subir em palanque e nem participar de corpo a corpo. Nessa hora, a idade do ex-presidente é citada como um fator importante. Aos 83 anos, na opinião de seus correligionários, não faria nenhum sentido pedir ou mesmo sugerir esse tipo de atuação para o ex-presidente. Seus aliados destacam que FHC tem uma vida ativa, mas a campanha considera que sua presença será mais bem aproveitada em eventos especiais, aparições específicas e no horário eleitoral. A linha deverá ser essa no cotidiano da campanha.

Agripino: ‘Bolsa Família é patrimônio brasileiro’, diz coordenador da campanha de Aécio

O novo papel que FHC desempenha na campanha tucana é saudado por muitos daqueles que estão diretamente envolvido com o esforço eleitoral do PSDB. Em entrevista ao iG, o coordenador-geral da campanha de Aécio, o senador potiguar José Agripino, falou com bastante segurança a respeito do que considerou um erro das campanha do PSDB no passado. “Foi um erro, na campanha passada, não ter assumido as teses das privatizações, das concessões. Coisa que hoje a realidade está mostrando que é o que tem de ser feito. É insistir numa prática que deu certo”, disse Agripino.

Origem

Aécio cumpre agenda de campanha em Taboão da Serra (26/09). Foto: Marcos Fernandes/PSDBAo lado do governador do Paraná e candidato à reeleição no Paraná, Beto Richa, Aécio Neves faz campanha em São José dos Pinhais (26/9). Foto: Igo Estrela/Coligação Muda BrasilAo lado da candidata do PP ao governo do Rio Grande do Sul, Ana Amélia, Aécio Neves durante coletiva de imprensa em Porto Alegre. Foto: Divulgação/PSDBAécio Neves vira gaúcho em dia de campanha Caxias do Sul ao lada senadora Ana Amélia, candidata ao governo do Rio Grande do Sul pelo PP (25/9). Foto: Marcos Fernandes/ Coligação Muda BrasilAécio Neves faz travessia de barca do Rio para Niterói em dia de campanha no Rio de Janeiro (23/9). Foto: Orlando Brito/Coligação Muda BrasilAo lado de Giovane, do vôlei, e outros candidatos, Aécio faz carreata em Betim (MG) (22/9). Foto: Marcos Fernandes/Coligação Muda BrasilCantor Fagner faz campanha ao lado de Aécio Neves na Feira de São Cristóvão, no Rio de Janeiro (21/9). Foto: Orlando Brito/Coligação Muda BrasilAécio veste chapéu e ganha imagem de Padre Cícero durante visita a Feira de São Cristóvão, que reúne tradições nordestinas, no Rio de Janeiro (21/9). Foto: Orlando Brito/Coligação Muda BrasilAécio ainda canta repende e cita o avô Tancredo Neves na Feira de São Critóvão (21/9). Foto: Orlando Brito/Coligação Muda BrasilAécio Neves faz campanha com outros candidatos do PSDB em Ipatinga, no Vale do Aço, em Minas Gerais (20/9). Foto: Coligação Muda BrasilAo lado de Paulo Souto, candidato ao governo na Bahia pelo PSDB, Aécio Neves faz corpo a corpo com eleitores em Itabuna (18/9). Foto: Valter Pontes/CoperphotoAécio Neves participa do VI Coletivo da Mulher Metalúrgica, em São Paulo (19/9). Foto: Emiliano Capozoli/Coligação Muda BrasilCandidato do PSDB à Presidência participa do encontro 'Todas com Aécio', em São Paulo (17/9). Foto: Marcos Fernandes/Coligação Muda BrasilAécio Neves, Marina Silva e Dilma Rousseff participam de debate na Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, na cidade paulista de Aparecida (16/09). Foto: DIVULGAção/PSBAo lado de Ronaldo, Aécio Neves se arrisca com passos de funk e na capoeira no lançamento do livro 'Um país chamado favela', em Madureira, no Rio (14/9). Foto: Igo Estrela/Coligação Muda BrasilRonaldo acompanhou Aécio Neves em dia de campanha na cidade do Rio de Janeiro (14/9). Foto: Igo Estrela/Coligação Muda BrasilAécio Neves ainda joga capoeira em dia de campanha ao lado de Ronaldo, no Rio de Janeiro (14/9). Foto: DivulgaçãoAécio e Ronaldo também assistem à apresentação na CUFA (14/9). Foto: Igo Estrela/Coligação Muda BrasilRonaldo e Aécio Neves fazem caminhada na orla do Rio de Janeiro. Ex-jogador carrega o número do candidato do PSDB à Presidência no peito (14/9). Foto: André Freitas/AgNewsRonaldo e Aécio posam com eleitores na praia no Rio de Janeiro (14/9). Foto: Igo Estrela/Coligação Muda BrasilFãs pedem para tirar foto com Ronaldo durante dia de campanha por Aécio Neves (14/9). Foto: André Freitas / AgNewsRonaldo ainda posta em seu Instagram uma foto com toda a família ao lado de Aécio. 'Em família. #somostodosAécio', escreve na legenda (14/9). Foto: Reprodução/InstagramAécio Neves faz carreata em Belo Horizonte ao lado de Pimenta da Veiga, candidato ao governo mineiro pelo PSDB (13/9). Foto: Leo Lara/Coligação Todos por MinasAécio Neves durante entrevista ao iG e à RedeTV! (12/09/2014). Foto: Vitor Sorano/iGAécio faz carreata ao lado do candidato a governador, Pimenta da Veiga, e do candidato ao Senado, Antônio Anastasia, em Montes Claros (MG) (11/9). Foto: Orlando Brito/Coligação Muda BrasilAécio Neves, presidenciável pelo PSDB, participa de um encontro com a juventude em Belo Horizonte (MG) (11/9). Foto: Marcos Fernandes/Coligação Muda BrasilPresidenciável Aécio Neves (PSDB) faz campanha nas ruas de Belém, no Pará (08/09). Foto: Divulgação/PSDBAécio Neves participa de ato político em Marabá, no Pará (8/9). Foto: Orlando Brito/Coligação Muda BrasilCandidato ao lado da pastora Flordelis, que cantou uma música em homenagem a ele. Foto: DivulgaçãoAécio ganha adesivo de campanha de Ana Amélia, candidata do PP ao governo do Rio Grande do Sul (5/9). Foto: Marcos Fernandes/Coligação Muda BrasilAo lado de Geraldo Alckmin, Aécio Neves faz caminhada em Santos com direito a pausa para um pastel (2/9). Foto: Igo Estrela/ObritoNewsCandidato Aécio Neves ao lado do ex-presidente FHC no comitê da campanha, em São Paulo. Foto: Orlando Brito/Coligação Muda BrasilMal nas pesquisas, Aécio Neves (PSDB) busca em São Paulo o início da recuperação de sua campanha na corrida presidencial . Foto: Divulgação/SBTAécio Neves joga futebol no evento "Futebol entre Amigos" promovido pelo ex-jogador Zico, no Rio de Janeiro (31/8). Foto: Orlando Brito/Coligação Muda BrasilAo lado de Alckmin, Aécio Neves visita à Estação Vila Prudente, da Linha 15 Prata do monotrilho, em São Paulo (29/8). Foto: Ana Flavia Oliveira/iGAlckmin, candidato a reeleição ao governo de São Paulo, e o presidenciável Aécio Neves conversam em visita a estação do monotrilho (29/8). Foto: Ana Flavia Oliveira/iGAécio toma café da manhã com operários em São Paulo (28/8). Foto: Marcus Fernandes/Coligação Muda BrasilAécio Neves (esquerda) e Aloysio Nunes Ferreira, candidatos a presidente e vice pelo PSDB, durante o lançamento do site Vamos Agir (27/8). Foto: Divulgação/Coligação Muda BrasilAécio Neves, candidato à Presidência pelo PSDB, participa de entrevista no jornal O Estado de S. Paulo, nesta quarta-feira (26). Foto: Divulgação/PSDBAécio Neves, candidato do PSDB à Presidência da República participa de debate na TV Band (26/08). Foto: Divulgação/PSDBAécio Neves (PSDB) visita Unidade da Polícia Pacificadora (UPP) da Comunidade de Santa Marta,no Rio de Janeiro (18/08). Foto: Divulgação/PSDBDilma Rousseff cumprimenta o presidenciável pelo PSDB, Aécio Neves, no velório de Eduardo Campos e vítimas do acidente aéreo (17/8). Foto: Paulo Whitaker/ReutersAécio Neves (PSDB) é entrevistado pelos apresentadores do Jornal Nacional, Willian Bonner e Patrícia Poeta (11/08).. Foto: Globo/João CottaAécio Neves em caminhada em Manaus (9/8). Foto: Igo Estrela/ObritoNewsAécio Neves e a mulher, Leticia Weber, deixam hospital com o pequeno Bernardo no colo, no Rio de Janeiro (10/8). Foto: Reprodução/InstagramPresidenciável Aécio Neves visita a comunidade ribeirinha Julião, no Amazonas (9/8). Foto: Igo Estrela/Coligação Muda BrasilGabriela, filha de Aécio, acompanha o candidato durante visita à comunidade no Amazonas. Foto: Igo Estrela/Coligação Muda BrasilTucanos Aécio Neves, Geraldo Alckmin e José Serra fazem selfie na fábrica Voith, em São Paulo (07/08). Foto: Divulgação/PSDBAécio (PSDB)com metalúrgicos Voith, em São Paulo. Ele estava acompanhado governador Geraldo Alckmin, candidato à releição, e de José Serra, que concorre ao Senado (07/08). Foto: Divulgação/PSDBCandidato do PSDB à Presidência, Aécio Neves, participa de encontro da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (6/8). Foto: Alan Sampaio / iG BrasíliaAécio Neves, candidato do PSDB à Presidência, discursa na Associação Médica de Brasília (05/07). Foto: Divulgação/PSDBAécio Neves dança com Ana Amélia, candidata do PP ao ao governo do Rio Grande do Sul em encontro em Porto Alegre (3/8). Foto: Igo Estrela/ObritoNewsAo lado de Álvaro Dias e Beto Richa, candidatos à reeleição ao Senado e governo paranaense pelo PSDB, Aécio Neves participou de caminhada em Curitiba (2/8). Foto: Divulgação/PSDBAécio Neves inaugura comitê da Coligação Muda Brasil em Belo Horizonte (31/7). Foto: Orlando Brito/Coligação Muda BrasilAécio Neves dá coletiva na Confederação Nacional da Indústria (30/7). Foto: Alan Sampaio / iG BrasíliaO candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves,  participa de encontro com empresários na CNI (30/7)
. Foto: José Paulo Lacerda/ CNICandidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, participa de encontro com empresários (30/7). Foto: José Paulo Lacerda/ CNIAécio Neves, Geraldo Alckmin e o padre Rosalvino, fundador da Obra Social Dom Bosco, visitam a Feira Tecnológica da Zona Leste de São Paulo (26/7). Foto: Facebook/Aécio NevesAécio Neves  visita a Vigário Geral, no Rio de Janeiro (RJ), e toca com AfroReagge (25/7). Foto: Orlando Brito/Coligação Muda BrasilCandidato do PSDB Aécio Neves participa de caminhada em Vigário Geral, no Rio (25/7). Foto: Orlando Brito/Coligação Muda BrasilCandidato à Presidência pelo PSDB, Aécio Neves, visita o Centro Cultural Waly Salomão, espaço criado pelo AfroReggae, no Rio (25/7). Foto: Orlando Brito/Coligação Muda BrasilAécio Neves em encontro com a deputada federal Mara Gabrilli para discutir políticas para inclusão de pessoas com deficiência (22/7). Foto: Marcos Fernandes/ObritoNewsAécio, candidato pelo PSDB, visita o Santuário Nossa Senhora da Piedade, em Caeté (MG). Seu avô, Tancredo Neves, costumava frequentar o local (21/7). Foto: DivulgaçãoAécio conta com a companhia de outros políticos do partido, como Pimenta da Veiga, candidato ao governo de Minas (21/7). Foto: Igo Estrela/PSDBAécio Neves visita estátua e Memorial Padre Cícero, em Juazeiro do Norte, no Ceará, na companhia de Tasso Jereissati (20/7). Foto: Igo Estrela/PSDBCandidato faz uma oração no Memorial Padre Cícero, em Juazeiro do Norte, no Ceará (20/7). Foto: Igo Estrela/PSDBFesta para Aécio Neves na Expocrato, em Crato, no Ceará (19/7). Foto: Igo Estrela/PSDBAo lado de Geraldo Alckmin, candidato à reeleição ao governo de São Paulo, Aécio visita o projeto Manaciais, em São Paulo (19/7). Foto: Marcos Fernandes/PSDBCandidato se encontra com Juvenal Araújo, presidente do Tucanafro, para conversar sobre ideias para o programa de governo (17/7). Foto: George Gianni/psdbEncontro entre Aécio Neves e Dom Orani Tempesta no Rio de Janeiro (18/7). Foto: Marcos Fernandes/ObritoNewsEleitor registra discurso de Aécio Neves em Vitória, no Espírito Santo (10/7). Foto: Reprodução/InstagramCandidato à Presidência acompanha seleção na Copa do Mundo ao lado da família (4/7). Foto: Reprodução/InstagramNo mesmo dia, ele posta uma foto com a filha Gabriela no estádio do Maracanã (4/7). Foto: Reprodução/InstagramAloysio Nunes é anunciado como vice de Aécio Neves na candidatura à presidência (30/6). Foto: Futura PressConvenção Nacional do PSDB, em São Paulo, oficializa Aécio Neves como candidato à Presidência da República (14/6). Foto: Orlando Brito/ Facebook Oficial de Aécio NevesAécio Neves e o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso oficializam a candidatura do senador à presidência em São Paulo (14/6). Foto: Futura PressSerra, Geraldo Alckmin, FHC e Aécio Neves durante Convenção Nacional do PSDB no Expo Center Norte, em São Paulo (14/6). Foto: Futura PressDurante a Convenção Nacional do PSDB, Aécio Neves recebe um beijo da filha, Gabriela (14/6). Foto: Orlando Brito/ Facebook Oficial de Aécio NevesPresentes celebram durante Convenção do PSDB em São Paulo (14/6). Foto: Futura PressAécio começa caminhada pelo Brasil por São João Del Rei (13/6). Foto: Reprodução/Instagram

Tucanos que atuam no núcleo da campanha são unânimes em dizer que FHC voltou a ganhar importância, ainda antes da definição a respeito do nome de Aécio como candidato do PSDB à Presidência da República. O ex-presidente foi o principal cabo eleitoral de Aécio quando da disputa interna no partido para a escolha do presidente nacional da sigla. Na época, José Serra ainda corria por fora na tentativa de se viabilizar pela terceira vez como candidato do PSDB para enfrentar a presidente Dilma Rousseff. Na época, a escolha do presidente do PSDB respeitou essa dinâmica eleitoral e Aécio não era unanimidade entre tucanos paulistas.

Aloysio Nunes: O guerrilheiro que tem a missão de enfrentar Lula

Aécio: Escolha de Aloysio Nunes para vice reforça chapa do PSDB em SP

E foi nesse processo que FHC começou a fazer um papel fundamental para o êxito da candidatura Aécio: aproximou o senador mineiro de um terreno árido até então, o PSDB paulista, refratário ao nome do ex-governador de Minas Gerais. Havia em São Paulo ressentimento com a figura de Aécio, apontado por tucanos nos bastidores como alguém que pouco fez para ajudar Serra e Geraldo Alckmin quando os dois disputaram a Presidência (Serra em 2002 e 2010, Alckmin em 2006). FHC foi figura fundamental para digerir a mágoa e aproximar Aécio de grupos antes ligados a Serra. O coordenador da campanha do mineiro em São Paulo é o ex-governador Alberto Goldman, e seu vice é Aloysio Nunes, ambos nomes muito ligados a Serra.

Trânsito com empresários

Além do papel protagonista nas querelas internas do partido, FHC tem feito uma função importante junto a empresários. É uma dupla função. O ex-presidente usa todo seu prestígio no meio empresarial de São Paulo para capilarizar Aécio entre aqueles que fazem do Estado o centro financeiro do País. A tarefa não apenas coloca o senador em evidência no setor industrial e empresarial no maior colégio eleitoral do País, mas também abre portas para que o mineiro possa angariar doações para sua campanha.

Despesa: Até agora campanha presidencial já prevê gastos de R$ 568,4 milhões

Corte: Com financiamento público, campanhas teriam de se virar com ¼ do valor atual

Nesse sentido, o PSDB resolveu ser mais agressivo. Ao contrário da projeção de gastos de 2010, neste ano o partido resolveu elevar suas perspectivas de custos. Em 2010, com Serra candidato, o PSDB declarou teto de gasto orçamentário de R$ 180 milhões (algo em torno de R$ 228 milhões em valores atualizados). Neste ano, o teto definido pelo partido é de R$ 290 milhões, bem próximo aos R$ 298 milhões de teto planejado pelo PT para a campanha de Dilma. Nesse cenário, a ajuda de FHC junto a empresários é tida como decisiva, sobretudo em meio a um panorama de pouco crescimento e crise mundial em que a missão de arrecadar dinheiro para a campanha, na opinião de tucanos, torna-se mais difícil.

Cuidado

Apesar do papel reconhecidamente importante que FHC terá na campanha de Aécio, existem tucanos que acreditam que essa atuação tem de ser bem dosada. Para esse grupo, FHC não pode exercer um papel de protagonista da campanha porque seu legado positivo não teria efeito sobre boa parte do eleitorado. Restariam aí alguns legados negativos que, na avaliação desses tucanos, seriam amplamente usados pelos adversários.

A conta feita é que o eleitor mais jovem, aquele nascido desde 1990, não é sensível ao argumento de estabilização econômica, principal credencial da Era FHC. São eleitores que não têm experiência de ter vivido sob o ritmo da uma economia assolada por hiperinflação, trocas frequentes de moeda e recessão. Por isso, essa ala defende a participação de FHC na campanha, mas com alguma ressalva.

Leia tudo sobre: aécio nevesfhceleições 2014psdb

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas