Aos 83 anos, ex-deputado federal é submetido a tratamento contra um câncer ósseo no Hospital Sírio-Libanês, em SP

Plínio foi quarto colocado no pleito que elegeu Dilma Rousseff presidente do País
Olivia Alonso
Plínio foi quarto colocado no pleito que elegeu Dilma Rousseff presidente do País

O ex-deputado federal Plínio de Arruda Sampaio, 83 anos, está internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Sírio-Libanês, na região central da capital paulista. A informação foi confirmada ao iG por um porta-voz do Diretório Estadual de São Paulo do PSOL (Partido Socialismo e Liberdade) e pela assessoria de imprensa do hospital, nesta quinta-feira (26).

De acordo com boletim médico divulgado no início da noite, Plínio está sendo submetido a tratamento contra um câncer ósseo. Seu estado de saúde é estável, mas não há previsão de alta. O documento, que não informa desde quando ele está internado, é assinado pela equipe que trata o ex-deputado, coordenada pela Dra. Maria Elisa do Amaral Carvalho e pelo Dr. Daniele Riva.

Leia também:
'Política é isso, é o povo nas ruas', diz Plinio de Arruda Sampaio em protesto

Formado em Direto pela USP (Universidade de São Paulo), Plínio ficou nacionalmente conhecido quando se candidatou à presidência da República pelo partido, em 2010. Na ocasião, conquistou a quarta colocação no pleito, com 0,87% dos votos.

Eleito deputado federal pela primeira vez em 1962, pelo Partido Democrata Cristão (PDC), ele assumiu o cargo em três ocasiões - a última, em 1991 - e fez parte de três legendas antes de entrar para o PSOL, em 2005 (além do PDC, MDB entre 1976 e 1978 e PT entre 1980 e 2005.

Atualmente, ele é presidente de honra da Associação Brasileira de Reforma Agrária (ABRA), ONG fundada em 1967 dedicada à causa da reforma agrária no País.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.