Aécio lamenta aposentadoria de Barbosa

Por Marcel Frota - iG Brasília | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Líder tucano na Câmara diz que presidenciável do PSDB também ficou surpreso com decisão do presidente do STF

O pré-candidato à presidência da República pelo PSDB, senador Aécio Neves (MG), lamentou a aposentadoria do ministro Joaquim Barbosa. A informação é do líder do PSDB na Câmara dos Deputados, Antônio Imbassahy (BA), que esteve nesta quinta-feira (29) com Aécio em Aparecida, no interior de São Paulo.

Leia também: ‘Mensalão saiu da minha vida, espero que saia da de vocês’, diz Barbosa
Barbosa ao anunciar saída do STF: 'Sinto-me honrado e agradeço a todos'

"Ele lamentou porque Barbosa é uma figura notável, um juiz na plenitude da palavra", disse Imbassahy. O próprio líder manifestou surpresa, sentimento partilhado com Aécio, com a notícia. "Achei que foi surpreendente e acho até que foi um afastamento precoce. Lamento porque o ministro Barbosa vem fazendo um trabalho exemplar e resgatando a credibilidade do Judiciário junto à população", declarou o líder tucano.

Perguntado a respeito de uma possível filiação de Barbosa ao PSDB, Imbassahy disse não ver relação entre uma coisa e outra. "O PSDB tem uma relação muito boa com ele e até o presidente (Aécio) tem uma relação com Barbosa, mas não ligação entre esse movimento dele e nossa atividade política", afirmou o líder tucano. "Foi uma decisão do Barbosa, não vejo essa conotação", acrescentou ele.

Imbassahy também falou sobre o impacto da aposentadoria de Barbosa em relação aos condenados pelo mensalão. O ex-ministro José Dirceu vem tentando reverter a decisão do STF que até agora não o autorizou a trabalhar fora do presídio. "Prefiro acreditar na Suprema Corte. Creio que não haverá mudanças", disse Imbassahy.

Leia tudo sobre: aéciosaídaaposentadoriajoaquim barbosa

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas