Enquanto Dilma descansa na Bahia, rivais usam folia como largada para campanha

Por Luciana Lima - iG Brasília | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Em agenda privada, presidente passará o carnaval descansando com a família. Eduardo Campos e Aécio Neves usarão a folia como campanha

Lúcio Távora/Ag. A Tarde/Futura Press
A presidente Dilma Rousseff (de boné) volta de passeio na lancha Base da Marinha de Inema, em suas férias em dezembro de 2013

Enquanto a presidente Dilma Rousseff planeja um carnaval mais reservado, de descanso com a família, os pré-candidatos de oposição planejam utilizar os dias de folia para se apresentarem na disputa pelo Palácio do Planalto.

Leia também: Dilma pede que papa traga à Copa mensagem contra o racismo

Dilma viajará com a família para a Base Naval de Aratu, na Bahia, como ocorreu em todos os anos de seu mandato e há, no máximo, uma expectativa, alimentada pelo governador da Bahia, Jaques Wagner, de que ela vá ao camarote do governo, montado no circuito do Campo Grande, para assistir parte dos desfiles de blocos.

No entanto, não há confirmação de que Dilma irá à festa. A agenda da presidente aponta somente para compromissos privados.

Divulgação
O governador de Pernambuco Eduardo Campos no Galo da Madrugada, em Recife

Já o governador de Pernambuco, Eduardo Campos, e o senador Aécio Neves traçam uma agenda de folião de dar inveja aos mais fissurados por Carnaval. “Aqui em Pernambuco carnaval é coisa séria. É dia de trabalho”, disse o governador que, por estar com filho recém-nascido, participará da folia somente em Pernambuco. “Vou ficar por aqui mesmo desta vez”, disse Campos.

Ao lado da mulher, Renata, Eduardo Campos participará da abertura oficial do Carnaval de Recife, na sexta-feira (28). O casal amanhecerá o sábado tomando café-da-manhã no Galo da Madrugada e acompanhará o mais tradicional bloco de Recife pelas ruas da parte antiga da capital.

Nos demais dias do Carnaval, Renata, que recentemente deu a luz ao quinto filho do casal, Miguel, não acompanhará Campos. O governador, no entanto, já incluiu no seu roteiro participar do carnaval em Bezerros, marcado pelo desfile dos Papangus.

Divulgação
O pré-candidato ao Planalto e presidente do PSDB, Aécio Neves

Além disso, Eduardo Campos participará dos tradicionais Encontros de Maracatus, do Mestre Salustiano em Olinda, região metropolitana de Recife, e no interior, em Nazaré da Mata e em Aliança.

Aécio Neves aceitou convite do prefeito de Salvador, Antônio Carlos Magalhães Neto, e na sexta-feira viajará para Salvador. No domingo de Carnaval, o senador mineiro estará na Marquês de Sapucaí, assistindo ao desfiles das Escolas de Samba do grupo especial a convite do prefeito do Rio, Eduardo Paes. "O carnaval brasileiro continua encantando o mundo. Momento de confraternização dos brasileiros, a festa assume cada vez mais o seu lugar na indústria do entretenimento nacional, movimentando nossa economia”, exemplificou o senador.

Aécio não perdeu a oportunidade de falar sobre as manifestações e de criticar o governo federal em relação às demandas apresentadas nos protestos. “Não há como não registrar, no entanto, a preocupação com o fato de que a grande festa vai para as ruas em um momento de tensionamento e recrudescimento da violência no país e, infelizmente, não se anotou qualquer preocupação de nossas autoridades federais no sentido de trabalhar em parceria com os estados e as cidades promotoras de eventos, que reunirão milhares de pessoas", considerou.

Leia tudo sobre: CarnavalDilma

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas