Três condenados no mensalão cumprem pena no presídio que era de responsabilidade de Dourado: Delúbio Soares, Jacinto Lamas e Carlos Rodrigues

Agência Brasil

O diretor do Centro de Progressão Penitenciária de Brasília, Afonso Emílio Alvares Dourado, pediu exoneração do cargo alegando razões pessoais, segundo a Secretaria de Comunicação do Distrito Federal.

O Complexo Penitenciário da Papuda, no Distrito Federal
ALAN SAMPAIO/iG BRASILIA
O Complexo Penitenciário da Papuda, no Distrito Federal

Três condenados na Ação Penal 470, o julgamento do mensalão, cumprem pena neste centro, que faz parte do Complexo Penitenciário da Papuda: o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares, o ex-tesoureiro do PL Jacinto Lamas e o ex-deputado do PR do Rio de Janeiro, Carlos Rodrigues.

O pedido foi feito ontem (25) e ainda não foi publicado no Diário Oficial. O vice-diretor do centro, Emerson Antonio Bernardes, havia pedido para sair do cargo, alegando que ia assumir um posto de chefia na Polícia Civil.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.