Chioro se afasta temporariamente do ministério da Saúde

Por Priscilla Borges , iG Brasília | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Ministro vai assumir cargo de professor de Medicina na Unifesp. Portaria com exoneração foi publicada hoje no Diário Oficial

O ministro da Saúde, Arthur Chioro, se afastou temporariamente do cargo para assumir o cargo de professor de Medicina da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). De acordo com assessoria de imprensa do ministério, Chioro precisou ser exonerado da pasta para assumir o cargo na universidade.

Mais: Missão é continuar garantindo direitos, diz Dilma em posse de novos ministros

Fabio Rodrigues Pozzebom /Arquivo Agência Brasil
O ministro da Saúde, Arthur Chioro

O procedimento é um trâmite burocrático exigido para que ele possa tomar posse na universidade. Como ministro, ele não pode assumir o cargo de professor, mas como professor ele pode assumir o ministério.

Segundo nota da presidência da República, após tomar posse professor, Chioro se licenciará da função para tomar posse novamente no cargo de ministro da Saúde.

A portaria com a readimissão de Chioro ao minitério da Saúde deve ser publicada nos próximos dias. Por conta desse trâmite, a portaria com a exoneração a pedido está no Diário Oficial da União desta sexta-feira (21). Segundo a publicação, assume interinamente a pasta Mozart Julio Tabosa Sales.

Chioro asssumiu a pasta no dia 3 de fevereiro, no lugar de Alexandre Padilha, que deixou o cargo para concorrer ao governo do Estado de São Paulo.

Leia tudo sobre: saúdeministro da saúdearthur chioro

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas