Ministra, que tem domicílio eleitoral no Rio Grande do Sul e é candidata à reeleição na Câmara, acompanhou a presidente em evento de lançamento de pré-campanha eleitoral

Em visita ao Brasil, o ministro de Negócios Estrangeiros da Noruega, Börgen Blende, viu sua agenda ser atropelada pela pré-campanha de Dilma e da ministra de Direitos Humanos, Maria do Rosário. Um encontro entre ele e a ministra, que ocorreria às 10 horas de quinta-feira, foi desmarcado em cima da hora. Motivo: Maria do Rosário foi à Festa da Uva com a presidente, em um evento eleitoral.

Às 9h50, o comboio acompanhado de batedores que levava o ministro, a embaixadora da Noruega no Brasil, Aud Marit Wiig, além de assessores, deixava a Embaixada e precisou ser interrompido.

Maria do Rosário viajou para acompanhar Dilma em evento no Rio Grande do Sul
Agência Brasil
Maria do Rosário viajou para acompanhar Dilma em evento no Rio Grande do Sul

Uma funcionária da embaixada, que havia se adiantado para o encontro na SDH, avisou à embaixadora que a ministra não estava. Ela havia acabado de ser informada, por funcionários da secretaria, de que Maria do Rosário havia viajado com a presidente Dilma Rousseff para participar da Festa da Uva no Rio Grande do Sul.

A participação de Dilma na Festa da Uva tem um caráter pré-eleitoral. A convite do ministro de Desenvolvimento Agrário, Pepe Vargas, Dilma fez questão de estar presente no último evento do qual ele participará como ministro, já que lançará sua campanha à reeleição como deputado federal. Além de Pepe Vargas, Maria do Rosário também é candidata à reeleição a uma vaga na Câmara.

Ministra Maria do Rosário estava entre as autoridades presentes na abertura da Festa da Uva
Roberto Stuckert Filho/PR
Ministra Maria do Rosário estava entre as autoridades presentes na abertura da Festa da Uva

A assessoria da SDH confirmou que a reunião entre Maria do Rosário e o ministro norueguês estava pré-agendada para esta quinta-feira, mas que a ministra delegou à sua equipe a tarefa de recebê-lo.

“Em virtude da convocação da Presidenta Dilma Rousseff para que a ministra Maria do Rosário integrasse sua comitiva no Rio Grande do Sul, não foi possível que ela recebesse o ministro norueguês. No entanto, a ministra Maria do Rosário determinou que toda a sua equipe estivesse à disposição para recebê-lo”, informou a assessoria.

De acordo com a SDH, ao ser informado da viagem da ministra, Blende “optou por priorizar outras agendas”. “Registramos que a embaixada da Noruega recebeu a informação de forma extremamente pacífica e compreendeu as razões da ministra Maria do Rosário”, informou a assessoria.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.