Cresce expectativa do PMDB em conseguir  sexto ministério

Por Nivaldo Souza - iG Brasília | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Vice Michel Temer terá conversa hoje com Dilma para negociar mais espaço para o partido no governo

Alan Sampaio /iG Brasília
Dilma em cerimônia de posse dos novos ministros da Saúde, Educação, Casa Civil e Comunicação

O PMDB espera conseguir o sexto ministério no governo Dilma Rousseff na tarde desta terça-feira (3), depois que a presidente se reunir com o vice-presidente no Palácio do Planalto para definir o tamanho que o partido terá após a reforma ministerial. "A expectativa dentro do partido é de ampliar espaço (no governo)", afirma ao iG o ministro Moreira Franco (Aviação Civil), que deve deixar a pasta para concorrer a deputado.

Leia também:

Missão é continuar garantindo direitos, diz Dilma em posse de novos ministros

Congresso retorna com 14 projetos pendentes para atender às manifestações

Os peemedebistam confiam que o acesso a Secretaria Especial de Portos seja a sexta pasta oferecida por Dilma. "A expectativa é essa, mas está na mão dos líderes. Formalmente, estamos conversando faz tempo (no PMDB)", diz o ministro Garibaldi Alves Filho (Previdência Social).

Para o ministro Gastão Vieira (Turismo), o sexto ministério deve ser atingido com a manutenção de Turismo sob comando do PMDB. "Acredito que o PMDB não vai abrir mão de Turismo sem alguma tentativa de mantê-lo", afirma.

Os rumores de que Turismo seria cedido pela presidente ao PT para reforçar a aliança nacional com o PT na reeleição de Dilma e assegurar o tempo de televisão dos trabahistas para a propaganda petista. "O ministério está com suas diretrizes definidas, tem capilaridade em 4.170 municípios e temos conseguido mais recursos. Por isso passaram a observar e Turismo ganhou importância", avalia Vieira.

Leia tudo sobre: pmdbreforma ministerial

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas