Exoneração atende pedido do próprio Geddel, que utilizou Twitter para pedir demissão do cargo nesta quinta-feira

Agência Estado

A presidente Dilma Rousseff exonerou do cargo o vice-presidente de Pessoa Jurídica da Caixa Econômica Federal, Geddel Vieira Lima (PMDB). O decreto com a exoneração está publicado no Diário Oficial da União desta sexta-feira (27), e atende a um pedido do próprio Geddel. Ele utilizou o microblog Twitter para pedir demissão do cargo nesta quinta-feira (28).

Conheça a home do Último Segundo

Na mensagem publicada na quinta-feira, Geddel escreveu: "Cara Presidenta Dilma, por gentileza, determine publicação minha exoneração função que ocupo, e cujo pedido já se encontra nas mãos de V Excia." Segundo fontes, a presidente Dilma ficou extremamente irritada com a forma encontrada pelo vice-presidente da Caixa para pedir afastamento do cargo, tornando pública sua insatisfação com o governo pelo Twitter.

Ex-ministro da Integração Nacional no governo Lula, Geddel é hoje inimigo do governador da Bahia, Jaques Wagner (PT), e planeja disputar a sua sucessão, em 2014.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.