Reprovação de Haddad se aproxima à de Maluf, Pitta e Kassab, indica Datafolha

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Avaliação negativa cai um ponto entre junho e novembro e passa a 39%; Maluf tinha 41% e Pitta e Kassab, 42% de reprovação no final do primeiro ano de governo

A reprovação da gestão de Fernando Haddad na prefeitura de São Paulo caiu um ponto percentual em novembro, para 39%, de acordo com pesquisa divulgada nesta segunda-feira (3) pelo Datafolha. O desempenho se aproxima do alcançado pelos ex-prefeitos Celso Pitta e Gilberto Kassab ao fim do primeiro ano de governo. Ambos receberam 42% de avaliação ruim/péssimo ao fim do primeiro ano. 

Conheça a nova home do Último Segundo

No final do primeiro ano de gestão, o ex-prefeito Paulo Maluf tinha 42% de avaliação negativa, José Serra teve 23% e Marta Suplicy, 34%. A pesquisa foi realizada na quinta (28) e na sexta-feira (29) da semana passada. Foram ouvidos 1.071 eleitores da capital. A margem de erro da pesquisa é de três pontos, para mais ou para menos.

Em março, 14% dos eleitores consideravam a gestão de Haddad ruim. O índice subiu a 21% no início de junho e chegou a 40% no final do mês, após a série de protestos contra o aumento de R$ 0,20 da tarifa de ônibus. O resultado da pesquisa de novembro mostra que ainda não houve recuperação.

Em contrapartida, a porcentagem de eleitores que consideram o governo ótimo passou de 31% em março para 34% no início de junho. No fim do mês, após os protestos, o índice despencou. Passou a 18% e se manteve o mesmo na pesquisa de novembro.

A avaliação regular subiu cinco pontos entre junho e novembro. No início do mandato em março, estava em 42%. Caiu para 37% no início de junho, para 35% no fim de junho - após os protestos - e chegou a 40% em novembro.

Leia tudo sobre: políticahaddadprefeituragoverno municipalmalufpittakassabserramartamarta suplicyreprovaçãopopularidadedatafolha

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas