Justiça libera transferência de presídio a Simone Vasconcelos e Kátia Rabello

Por Agência Brasil |

compartilhe

Tamanho do texto

Condenadas no mensalão estavam presas no Complexo Penitenciário da Papuda

Agência Brasil

A Vara de Execuções Penais do Distrito Federal determinou nesta quinta-feira (28) a transferência de Simone Vasconcelos e Kátia Rabello, condenadas na Ação Penal 470, o processo do mensalão, para a Penitenciária Feminina da Colmeia, no Distrito Federal. Os juízes da vara afirmaram que elas devem ficar “em local adequado aos seus atuais regimes de cumprimento de pena”.

Conheça a nova home do Último Segundo

Leia também: Justiça determina tratamento igual para condenados no mensalão e outros presos

Simone e Kátia estavam presas no 19º Batalhão da Polícia Militar, dentro do Complexo Penitenciário da Papuda, por determinação do juiz da Vara de Execuções Penais do Distrito Federal, Ademar Silva de Vasconcelos.

As duas condenadas pediram ao Supremo Tribunal Federal (STF) transferência para Belo Horizonte, onde apresentaram-se à Polícia Federal antes de vir para Brasília, mas o pedido ainda não foi analisado pelo presidente da Corte, Joaquim Barbosa.

Veja mais: Delúbio pede ao STF para trabalhar na CUT

Genoino desiste de transferência para cumprir semiaberto no Distrito Federal

Simone, ex-funcionária do publicitário Marcos Valério, foi condenada a dez anos e dez meses de prisão, e Kátia, ex-presidenta do Banco Rural, a 14 anos e cinco meses de prisão, em regime fechado.

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas