Serra defende ex-secretário citado em fraude: 'É íntegro e competente'

Por Agência Estado |

compartilhe

Tamanho do texto

Tucano ressaltou ainda que tem confiança em Ricardo: 'Ele é ligado a mim. Me acompanhou no Ministério do Planejamento, na Saúde, no governo e na Prefeitura'

Agência Estado

O ex-governador José Serra rechaçou nesta sexta-feira (8) a possibilidade do envolvimento do ex-secretário de Finanças na gestão Kassab, Mauro Ricardo, na quadrilha suspeita de fraudar o recolhimento do Imposto sobre Serviços (ISS) e de desfalcar os cofres municipais em ao menos R$ 500 milhões. "Imagina. É um homem público brasileiro de alta qualidade, íntegro e competente", disse.

Conheça a nova home do Último Segundo

Leia mais: Kassab diz que auditor fiscal preso quis 'tumultuar o processo'

Haddad afirma que quadrilha do ISS pode ter fraudado IPTU

Serra ressaltou ainda que tem confiança em Ricardo. "Ele é ligado a mim. Me acompanhou no Ministério do Planejamento, na Saúde, no governo e na Prefeitura", afirmou.

Questionado se o escândalo poderia desgastar alianças partidárias, Serra afirmou que muitos tentam fazer "marketing" com os escândalos. "E é inegável que isso gera confronto entre partidos", completou. O ex-governador frisou ainda que não há acusações contra Ricardo. "É apenas uma gravação, não é uma acusação", disse, durante evento da Juventude do PSDB em São Paulo.

Áudio divulgado nessa quinta-feira pelo Jornal Nacional, da Rede Globo, foi de um telefonema de Ronilson Rodrigues para a auditora fiscal Paula Sayuri Nagamati, gravado no dia 18 de setembro. O ex-subsecretário da Receita Municipal mostra irritação ao ver seu nome publicado no Diário Oficial da Cidade numa intimação para depor na Controladoria-Geral do Município.

Rodrigues diz a Paula que Kassab e o secretário municipal de Finanças, Mauro Ricardo, tinham ciência de tudo e que também deveriam ser ouvidos.

Kassab disse ter recebido a informação com muita "indignação" e defendeu seu ex-secretário. "Quero publicamente dar meu depoimento de admiração ao secretário Mauro Ricardo, que é uma pessoa correta, honesta, íntegra, eficiente. Ele também é vítima da ação dessa quadrilha", afirmou.

Com Agência Estado

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas