Ex-prefeito disse que sempre encaminhou qualquer suspeita de irregularidade ao MP e à corregedoria

O ex-prefeito de São Paulo Gilberto Kassab (PSD) divulgou nota nesta quarta-feira (30) dizendo que desconhece a investigação em curso na Secretaria de Finanças , mas apoia a apuração dos fatos e defende punição exemplar dos envolvidos. Kassab garantiu que sempre encaminhou qualquer suspeita de irregularidade ao Ministério Público e à Corregedoria-Geral do município.

Prefeitura de SP: Operação prende auditores suspeitos de desvio milionário 

Haddad: Quadrilha atuou por anos, mas não há indício de elo político

Quatro agentes públicos da gestão de Kassab foram presos nesta manhã acusados de integrar um esquema de corrupção que teria causado prejuízos de pelo menos R$ 200 milhões aos cofres públicos nos últimos três anos.

O ex-prefeito disse ainda que sua gestão "sempre se pautou pela correção na administração da máquina pública" e transformou as ferramentas de transparência "numa política de governo, permitindo que todos os paulistanos tivessem acesso a contratos de obras" na cidade de São Paulo.

Conheça a nova home do Último Segundo

Ex-prefeito Gilberto Kassab diz
Alan Sampaio / iG Brasília
Ex-prefeito Gilberto Kassab diz

O ex-prefeito disse ainda que sempre deu total autonomia a seus secretários para que eles montassem suas equipes e tem certeza de que eles colaborarão com as investigações.

Os fiscais presos esta manhã teriam atuado durante a gestão de Kassab, mas as investigações não encontram indícios de que a propina recolhida tenha sido usada para fins políticos ou chegado ao alto escalão da Prefeitura. O prefeito Fernando Haddad classificou o caso como "um dos maiores escândalos já descobertos na cidade" .

Leia a íntegra da nota:

NOTA À IMPRENSA

O presidente nacional do PSD e ex-prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, embora desconheça a investigação em curso na Secretaria das Finanças, apoia integralmente a apuração e, se comprovada qualquer irregularidade, defende a punição exemplar de todos os envolvidos.

O ex-prefeito de São Paulo, como é de conhecimento público, quando alertado sobre qualquer suspeita, mesmo que por denúncia anônima, encaminhou para apuração da Corregedoria-Geral do Município e ciência do Ministério Público, com o qual manteve total colaboração.

A gestão Kassab sempre se pautou pela correção na administração da máquina pública e transformou as ferramentas de transparência numa política de governo, permitindo que todos os paulistanos tivessem acesso a contratos de obras, serviços e iniciou a implantação do sistema de licenciamento eletrônico cujo objetivo final era permitir que qualquer interessado pudesse acompanhar em tempo real a tramitação de projetos de reforma e construção na cidade de São Paulo.

Durante a gestão, o ex-prefeito de São Paulo deu total autonomia aos secretários de Estado para montar as suas respectivas equipes e tem certeza que todos se colocarão à disposição das autoridades competentes para colaborar com as investigações e esclarecer todas as dúvidas existentes.

Com Agência Estado

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.