Ex-prefeito Miguel Colasuonno morre em São Paulo aos 74 anos

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Economista, Colasuonno foi prefeito da capital paulista durante a ditadura militar, entre 1973 e 1975

O ex-prefeito de São Paulo e ex-presidente da Câmara Municipal Miguel Colasuonno morreu na última sexta-feira (4), aos 74 anos, no Instituto do Coração de São Paulo (Incor). Economista, Colasuonno foi prefeito biônico de São Paulo durante a ditadura militar, entre 1973 e 1975.

Leia também: Imprensa aceitou censura na ditadura militar, diz historiadora

Reprodução
Ex-prefeito Miguel Colasuonno morre em SP

As causas de sua morte não foram divulgadas. O corpo, velado na manhã deste sábado (5) no cemitério do Morumbi, zona sul, foi enterrado por volta das 16h30 no mesmo local.

Depois de atuar como prefeito por dois anos, Colasuonno elegeu-se vereador em 1992, quando fez parte da base aliada do prefeito Paulo Maluf (PP). Ele se reelegeu ao apoiar a candidatura de Celso Pitta em 1997, mas desistiu da Câmara nas eleições de 2000.

Colasuonno foi professor e diretor do IPE (Instituto de Pesquisas Econômicas), dirigiu os cursos de Pós-Graduação da Faculdade de Economia e Administração da Universidade de São Paulo (USP) e foi diretor administrativo da Eletrobrás.

O ex-prefeito deixou q esposa, Marlene Colasuonno, e os filhos José, Eduardo, Maria Cristina, Maria Cláudia e Maria Fernanda.

Leia tudo sobre: políticaMiguel Colasuonnoex-prefeitomorreuex-vereador

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas