Procedimento será feito em função de uma alteração no coração diagnosticada na última sexta-feira (16)

Agência Estado

O senador José Sarney (PMDB-AP), internado desde o início do mês no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, fará nesta terça-feira (20), um cateterismo coronário em função de uma alteração de contratilidade da parede inferior do coração diagnosticada durante exame de ecodoppler realizado na última sexta-feira (16).

Leia também:  Sarney é diagnosticado com dengue e pneumonia, diz boletim médico

José Sarney
Divulgação
José Sarney

De acordo com último boletim médico, divulgado no dia 16, o senador está curado do processo infeccioso de dengue e pneumonia bacteriana. As doenças haviam sido detectadas no dia 7 de agosto.

Sarney foi internado após passar mal durante a festa de casamento de uma das netas, em São Luís, no Maranhão, na madrugada de 28 de julho, um domingo. O ex-presidente da República foi internado no UDI Hospital com infecção aguda no sistema respiratório.Após receber alta no dia 31, ele foi transferido, a pedido da família, para o Hospital Sírio-Libanês para continuar o tratamento.

Em São Paulo, foi identificado um derrame pleural - acúmulo de líquido na membrana que envolve o pulmão. E depois teve o quadro de dengue e pneumonia.

Sarney está sendo atendido pelas equipes dos Profs.Drs. David Uip, Roberto Kalil Filho e Carlos Gama. Não há previsão de alta.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.