Em enquete, a opção ‘nenhum’ obteve a maioria dos votos; José Dirceu, apareceu na segunda colocação

Os internautas não escolheram novamente nenhuma das cinco personalidades selecionadas pelo iG na terceira semana da série especial que elege os 60 mais poderosos do País . Em enquete realizada entre sábado (19) e domingo (20) com a pergunta ‘Qual destes poderosos você mais admira’, a opção ‘nenhum’ obteve a maioria dos votos: 18.421.

O político e advogado José Dirceu, 46ª colocado no ranking do iG , apareceu em segundo lugar na enquete, com 3.463 votos. Na terceira semana da série, além do perfil de Dirceu, foram divulgados os do empresário Abilio Diniz (48ª colocação), que teve 2.589 votos; do empresário Abram Szajman (49º colocação); do empresário, agrônomo e política Blairo Maggi (47º colocação), com 249 votos; e do empresário Rubens Ometto (50º colocação).

Resultado da terceira enquete sobre os mais poderosos
ig
Resultado da terceira enquete sobre os mais poderosos

Metodologia

O ranking do iG foi elaborado a partir de quatro indicadores: as zonas de poder econômico, político, midiático e social. Somados, esses índices radiografam quem são, o que fazem e como fazem os principais artífices da política e da economia brasileira. Com eles, o internauta estará melhor informado sobre a capacidade de influência de grandes personagens da República. O ranking tem a presença de políticos, autoridades de governo e do Judiciário, empresários e economistas.

Nomes que, com sua tomada de decisão, suas declarações e atitudes públicas e privadas, geram notícia, despertam admiração, crítica, aplauso ou desprezo. Eles ganharão perfis elaborados, que serão publicados a cada dia a partir do início da série. O iG publicará um perfil por dia, de segunda a sexta, até chegar ao número 1. Os leitores só serão informados de todo o ranking no último dia da série, com a publicação do perfil do nome mais poderoso do País. São textos produzidos com a marca de excelência do iG : bem informados, inventivos, criativos, instigantes.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.