CPI dos Transportes de São Paulo adia reunião e deve ouvir técnico da EMTU

Por Natália Peixoto - iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Na próxima semana, comissão deve questionar técnico sobre planilha de custos dos transportes

A CPI dos Transportes da Câmara de São Paulo adiou para a próxima semana a reunião marcada para amanhã e deve ouvir Raul Shiguemitshu Sunao, gerente de logística integrada da EMTU (Empresas Metropolitanas de Transportes Urbanos). Sunao terá a missão de explicar a planilha dos custos da integração dos transportes na capital paulista: não só dos ônibus intermunicipais como também de trens e metrô. Segundo o presidente da CPI, o vereador Paulo Fiorilo (PT), houve incompatibilidade na agenda do técnico.

Leia mais:

Vereadora ligada a Kassab assume relatoria de CPI dos Transportes

Vereadores instalam CPI dos Transportes em São Paulo

Amanhã a CPI fará um encontro fechado para que os vereadores deem continuidade aos requerimentos já apresentados. "Vamos tentar fazer uma reunião de trabalho", disse Fiorilo. Segundo o vereador, a Comissão irá aproveitar para preparar os questionamentos que serão feitos ao técnico.

Apesar de ter enviado requerimentos pedindo técnicos da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos), EMTU (Empresas Metropolitanas de Transportes Urbanos) e Metrô, a STM enviará apenas um técnico para esclarecer as questões dos vereadores.

Nas próximas semanas, após ouvir o representante do Estado, a agenda da CPI prevê oitivas com representantes dos bilheteiros, dos comissionários, permissionários e a aplicação de propostas para aplicar a tarifa zero na cidade.

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas