Pesquisa mostra que 84,3% dos brasileiros aprovam manifestações

Por Agência Estado |

compartilhe

Tamanho do texto

Levantamento da CNT diz que 49,7% dos entrevistados apontaram que protestos são contras políticos em geral

Agência Estado

Futura Press
Manifestações tomaram conta do Brasil em junho

A pesquisa realizada pela Confederação Nacional dos Transportes (CNT) e realizada pela MDA aponta que 84,3% dos entrevistados aprovaram os protestos de rua que ocorreram no País recentemente. Outros 13,9% desaprovaram as manifestações.

Leia também:

Aprovação do governo Dilma cai para 31,3%, mostra pesquisa CNT

Dilma tem 33,4% de intenção de voto para 2014 e venceria no 2º turno, diz CNT

Para 40,3% dos entrevistados, o fim da corrupção foi a reivindicação mais importante dos protestos. Outros 24,6% acreditam que a reivindicação mais importante foi por melhorias na saúde e 16,5%, pela reforma política. Em relação aos destinatários das manifestações, 49,7% dos entrevistados apontaram que os protestos são contras os políticos em geral, 21% consideram que são contra o sistema político e 15,9% não acreditam que sejam contra a presidente Dilma Rousseff.

Em relação ao motivo das manifestações, 55% apontam insatisfação com a corrupção; 47,2%, com serviços de saúde; 43,7%, com o gastos da Copa do Mundo; 30,8%, falaram de insatisfação com os preços e a qualidade do transporte público.

A pesquisa ouviu 2.002 pessoas, em 134 municípios de 20 estados, das cinco regiões, entre os dias 7 e 10 de julho de 2013.

Salvador: manifestantes protestaram contra o aumento no valor da tarifa do ônibus - 17/06/2013. Foto: Futura PressPorto Alegre: manifestantes protestam contra o aumento no valor da tarifa de ônibus - 17/06/2013. Foto: Futura PressBelém: cerca de 15 mil manifestantes realizaram protesto contra obras do projeto viário da cidade - 17/06/2013. Foto: Futura PressRio de Janeiro: manifestantes se reuniram no centro da cidade para protestar contra o aumento no valor da tarifa de ônibus - 17/06/2013. Foto: APCuritiba: manifestantes se reuniram contra a corrupção - 17/06/2013. Foto: Futura PressAcre: manifestantes protestaram a favor da polícia - 23/06/2013. Foto: BBC BrasilBrasília: manifestantes evangélicos se reuniram para protestar contra os casamentos homossexuais - 05/06/2013. Foto: Marcel Frota/iG BrasíliaBrasília: indígenas se reuniram em frente ao Palácio do Planalto para protestarem contra a mudança no processo de demarcação de terras - 18/04/2013. Foto: Agência BrasilPorto Alegre: manifestantes protestaram contra o aumento de 7% na tarifa de ônibus aprovado pela prefeitura - 27/03/2013. Foto: Diogo Sallaberry/LLPhoto Press/Futura PressRio de Janeiro: manifestantes se reuniram para protestar contra a indicação do pastor Marco Feliciano para a presidência da Comissão de Direitos Humanos - 16/03/2013. Foto: Ulisses Dumas/BA Press/Futura PressBahia: manifestantes em favor do regime cubano protestam contra blogueira dissidente Yoani Sánchez - 19/02/2013. Foto: Futura PressBrasília: manifestantes se reuniram em frente ao Congresso Nacional para pedir aos senadores que escolham um presidente ficha limpa para dirigir o Senado - 30/01/2013. Foto: Futura Press

Médicos

A população brasileira está dividida em relação ao apoio à vinda de médicos estrangeiros, segundo a pesquisa. São a favor da importação desses profissionais 49,7% dos entrevistados e 47,4% são contra a iniciativa.

O presidente da Confederação Nacional dos Transportes, senador Clésio Andrade, afirmou que o governo não tem o apoio da maioria dos brasileiros nessa medida. "A Dilma mais perdeu do que ganhou com esse processo", disse.

Leia tudo sobre: ProtestosCNT

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas