Portugueses abandonaram colegas europeus para apoiar a eleição do brasileiro Roberto Carvalho de Azevêdo à direção-geral da Organização Mundial do Comércio (OMC)

Agência Brasil

A presidenta Dilma Rousseff se prepara para ir a Portugal no próximo dia 10. Ela pretende se reunir com o primeiro-ministro português, Pedro Passos Coelho. Ela participa da Semana de Portugal, cuja data nacional é comemorada no dia 10 em homenagem a Luís de Camões, considerado um herói, que morreu neste dia.

Mais:  Brasileiros em Portugal exaltam bolsa de estudo, mas reclamam da adaptação

A presidente visita o país no momento em que o Brasil comemora a eleição do novo diretor-geral da Organização Mundial do Comércio (OMC), embaixador Roberto Carvalho de Azevêdo.

A escolha de Azevêdo, no último dia 7, esbarrou em dificuldades impostas, principalmente, por alguns países europeus. Mas a delegação de Portugal comandou uma campanha em favor do brasileiro, o que o ajudou na eleição. O embaixador do Brasil venceu a disputa com o mexicano Herminio Blanco e toma posse em 1º de setembro.

Além disso, no dia 10 de junho, termina o Ano do Brasil em Portugal e o Ano de Portugal no Brasil – comemoração com diversos eventos culturais (música, teatro, dança, circo, fotografia e artes plásticas) que ocorrem, desde 7 de setembro de 2012, em Lisboa e outras cidades portuguesas, assim como em algumas regiões do Brasil.

Os portugueses estão entre os principais turistas que chegam ao Brasil. Pelos dados do Anuário Estatístico do Turismo, no biênio 2011-2012, mais de 350 mil portugueses estiveram no país apenas neste período – o número corresponde a mais de 10% do total de turistas europeus.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.