Cid Gomes diz que Lula 'errou' ao antecipar debate eleitoral

Por Reuters |

compartilhe

Tamanho do texto

Governador do Ceará, do PSB, ainda aconselhou os ex-presidentes Lula e FHC a ficarem 'em casa estudando ou correndo pelo mundo para divulgar o Brasil'

Reuters

O governador do Ceará, Cid Gomes (PSB), afirmou nesta quarta-feira que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva "errou" ao promover a antecipação do debate eleitoral de 2014 e disse que ex-presidentes devem ficar em casa "estudando" ou correndo o mundo para divulgar o Brasil.

Leia mais: Para 2014, Eduardo Campos mira na base de Aécio Neves

Lula: Candidatura de Campos seria 'risco' à aliança histórica PT e PSB

Aliado: Campos critica Lula e diz que o PSB não vai trabalhar no fuso dos outros

Ele atribuiu ao ex-presidente o debate sobre a possível candidatura do governador de Pernambuco e presidente do PSB, Eduardo Campos, e ataques ao PSDB e disse que a antecipação de 2014 atrapalha o governo da presidente Dilma Rousseff.

"Acho errado no momento em que Lula antecipa o debate eleitoral em um tema que é de governo, para um grupo que é de governo", disse Cid, após evento no Palácio do Planalto.

"Quem está na oposição deve tomar a iniciativa do debate eleitoral. O governo precisa governar", disse Cid, que mais uma vez se manifestou pela continuidade do apoio de seu partido à reeleição de Dilma e contrário a uma candidatura própria de Campos.

Poder Online: Para aliados de Campos, futuro da família Gomes no PSB é incerto

Socialistas: Candidatura de Campos dependerá de desempenho de Dilma

Desde que o Planalto começou a trabalhar com a possibilidade de Eduardo Campos deixar a base aliada para concorrer ao Planalto em 2014, Dilma se aproximou de Cid Gomes. No evento desta quarta, em discurso, ela elogiou programas do governo do Ceará e disse que o seu governo "copia" iniciativas de sucesso do Estado.

"Dilma não precisa mais disso (de que Lula se antecipe para torná-la conhecida no Brasil), ela já é conhecida. E é mais popular que o Lula", afirmou.

Perguntado por jornalistas sobre as movimentações do também ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) que tem criticado o governo do PT, Cid sugeriu que ele ficasse "em casa estudando", fazendo comentários "inteligentes" e "viajasse o mundo para promover o Brasil". "Lula deveria fazer a mesma coisa, ficar estudando e andar mundo afora para divulgar o Brasil", disse.

Leia tudo sobre: cid gomeslulaeleições 2014eduardo camposptpsb

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas