Deputados ganham tablets para acompanhar votações

Por Agência Estado |

compartilhe

Tamanho do texto

Nova tecnologia será adotada a partir da retomada dos trabalhos legislativos, em fevereiro

Agência Estado

Os deputados terão à disposição uma nova tecnologia para acompanhar as votações no plenário a partir de fevereiro, na retomada dos trabalhos legislativos após o recesso. As 396 bancadas, as duas tribunas de discursos e a Mesa dos trabalhos passarão a ter tablets para facilitar o acompanhamento da sessão pelos parlamentares. Embora os tablets tenham a característica de serem equipamentos móveis, esses da Câmara serão fixados nas bancadas, usadas também pelos deputados para registrar presença e os seus votos durante as sessões.

Leia também: Senado vai alugar carros por R$ 4 mil ao mês cada

Pelo novo equipamento, o deputado poderá acessar, em tempo real, a pauta das votações, o texto do projeto, as emendas à proposta, os requerimentos apresentados e todo o encaminhamento da sessão. De quebra, os deputados também poderão acessar seus e-mails e sites na internet. A Câmara comprou 539 tablets da marca Samsung, para atender ao plenário e a algumas unidades da Casa, ao custo de R$ 609,75 mil no total, segundo informação da direção-geral da Câmara.

"Será uma economia brutal de papel", afirmou o presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS). Ele refere-se aos avulsos, como são conhecidas as publicações com todo o histórico do projeto em votação. Os impressos ficam em pilhas na entrada do plenário para que o deputado saiba o que está em votação. O plenário também está recebendo um novo carpete. O antigo, na mesma cor cinza prata, resistiu por 13 anos.

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas