Genoino e mais 10 suplentes tomam posse nesta tarde na Câmara

Por Agência Brasil |

compartilhe

Tamanho do texto

Ex-presidente do PT condenado pelo esquema do mensalão é um dos 27 suplentes que serão efetivados no cargo nos próximos dias

Agência Brasil

A Câmara vai dar posse hoje a 11 suplentes que assumirão definitivamente as vagas deixadas por deputados que renunciaram ao mandato para exercerem o cargo de prefeito em vários municípios do país. Outros três suplentes serão empossados interinamente porque os titulares apenas se afastaram para assumir postos nos executivos municipais.

Leia também: Genoino e mais 26 suplentes preparam posse na Câmara

OBrito News
Ex-presidente do PT foi condenado a quase sete anos de prisão

A cerimônia de posse está marcada para as 15h, na sala da presidência da Câmara, e será conduzida pelo primeiro-secretário da Casa, deputado Eduardo Gomes (PSDB-TO). O parlamentar está de plantão esta semana para dar posse aos novos deputados porque o Congresso está de recesso até o próximo dia 5 de fevereiro.

Ao todo, 27 suplentes serão efetivados como deputados. Segundo a Secretaria-Geral da Mesa da Câmara, os demais suplentes que não participarão da cerimônia de hoje não precisarão fazer um novo juramento de posse, pois já exerceram o mandato em outras ocasiões.

Entre os suplentes que tomarão posse hoje está o ex-presidente do PT José Genoino, condenado a seis anos e 11 meses de prisão em regime semiaberto pelo Supremo Tribunal Federal, por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no julgamento da Ação Penal 470, o chamado mensalão.

Ontem (2), Genoino entregou à Mesa Diretora da Câmara a documentação necessária para assumir, de forma definitiva, a vaga aberta com a saída de Carlinhos Almeida (PT-SP). Almeida tomou posse como prefeito de São José dos Campos.

Leia tudo sobre: José GenoinoCâmara dos Deputados

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas