Kassab diz que espionagem não preocupa pois não faz 'nada de errado'

Prefeito de São Paulo estava entre alvos de esquema de espionagem ilegal desmantelado pela Operação Durkheim

Agência Estado |

Agência Estado

Alan Sampaio / iG Brasília
Além de Kassab, outros políticos foram alvo de esquema de espionagem

O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (PSD-SP), parabenizou nesta terça-feira a Polícia Federal pela Operação Durkheim, que desmontou uma organização criminosa de espionagem. Kassab foi um dos alvos da quadrilha, mas disse não ter sofrido qualquer chantagem. Ele está em Brasília para uma cerimônia na Câmara dos Deputados que comemora um ano do registro pela Justiça Eleitoral do PSD, partido que preside.

Leia também: Grupo desmontado pela PF espionava Kassab e Eduardo Braga

"Quero cumprimentar a Polícia Federal pelo trabalho. Tomei conhecimento pelo jornal O Estado de São Paulo e não tenho nenhuma preocupação porque não faço nada de errado na minha vida. Quero dar parabéns à Polícia Federal", disse Kassab. "Não tenho por que ser chantageado", completou.

Segundo revelou a reportagem, e-mails trocados por integrantes da organização criminosa continham cópia de faturas do telefone do prefeito de São Paulo. Um dos arapongas chegou a manifestar temor na conversa pelo fato de o registro telefônico violado ser de Kassab.

    Leia tudo sobre: Operação DurkheimPolícia Federal

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG