Após discurso de vitória, Haddad recebe ligação de José Serra

Até as 20h30, tucano não havia ligado para o petista, como é praxe após uma eleição

Ricardo Galhardo | - Atualizada às

O candidato derrotado do PSDB à Prefeitura de São Paulo José Serra (PSDB) telefonou para parabenizar o novo prefeito da cidade, Fernando Haddad (PT). Segundo Haddad afirmou em evento de comemoração que acontece na noite deste domingo na Avenida Paulista, o tucano ligou após seu discurso de vitória e o desejou "boa sorte" na administração da cidade. Haddad disse ainda que também recebeu um telefonema do atual prefeito Gilberto Kassab (PSD).

Até pouco antes das 20h30, Serra não havia telefonado ao prefeito eleito, Fernando Haddad, para parabeniza-lo pela vitória. Antes de fazer um discurso para comemorar o resultado da eleição deste domingo, Haddad recebeu telefonemas da presidenta Dilma Rousseff, do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-SP), Alceu Penteado Navarro.

Leia também: Haddad vence José Serra e é eleito prefeito de São Paulo

Futura Press
Fernando Haddad (PT) é eleito o novo prefeito de São Paulo com 55.57% dos votos válidos

Realizada em um hotel na zona sul da capital, a comemoração da vitória de Haddad teve a presença massiva de dirigentes petistas, entre eles vários ministros. Na lista de presentes, estavam nomes como Marta Suplicy, que só aderiu à campanha depois de receber em contrapartida o Ministério da Cultura, e o deputado Paulo Maluf (PP), pivô do polêmico apoio ao PP à campanha do PT. “Fui fundamental para a eleição dele”, comentou Maluf, numa rápida conversa com jornalistas.

A cerimônia teve algumas pequenas gafes, como problemas no som ou o fato de uma máquina preparada para jogar estrelinhas no palco durante o discurso do prefeito eleito ter queimado logo antes da cerimônia. 

No discurso, Haddad empenhou-se em agradecer ao PT. Escolheu o presidente do PT paulistano e coordenador da campanha, Antonio Donato, para receber o afago em nome da legenda. Nos bastidores, o marqueteiro João Santana engatou: "Boa, Donato!". 

A campanha petista reservou um espaço muito apertado para a imprensa. Uma jornalista passou mal e acabou sendo socorrida por ninguém menos que o ministro da Saúde, Alexandre Padilha. O petista desceu do palco para atender a jornalista, que se sentia mal por causa do calor.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG