Haddad diz que não vai processar Soninha por xingamento

Candidata derrotada pelo PPS usou seu blog para xingar o petista, depois retirou o palavrão; após a derrota, ela declarou apoio a Serra

iG São Paulo | - Atualizada às

O candidato do PT à Prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad , negou neste sábado que seus advogados pretendam processar a candidata derrotada do PPS, Soninha Francine , por tê-lo chamado de filho da p. em seu blog na internet. Soninha, após a derrota, declarou apoio a José Serra e faz campanha para o tucano. Haddad classificou o ato da ex-candidata de “ato impensado”.

Debate na TV:  Aliados incômodos pautam ataques entre Serra e Haddad

Futura Press
Soninha xingou Haddad em seu blog e depois apagou o palavrão

Haddad disse que não conversou com Soninha, uma ex-vereadora petista, sobre o episódio, mas desautorizou qualquer reação. "Eu já desautorizei isso. Fui ofendido ontem e liguei hoje para meu advogado e falei que não quero nenhuma ação dessa natureza. Foi um ato impensado e não quero fazer disso uma discussão na última semana. Deixa de lado, isso passa, vamos compreender e não tomar nenhuma medida nesse sentido".

Especial: Veja a cobertura completa do iG sobre as eleições 2012

Ibope: Em São Paulo, Haddad tem 49% e Serra, 33%

O xingamento de Soninha a Haddad provocou reações nas redes sociais, o que levou a candidata derrotada a apagar o palavrão e, em seu lugar, usar a expressão "muito cinismo". "Eu escrevo como falo e falo muito palavrão. Xinguei em letras maiúsculas, p... da vida mesmo. Depois, voltei lá com menos raiva e apaguei", justificou Soninha depois.

*Com Agência Estado

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG