TV Record cancela debate do segundo turno em São Paulo

Embate entre Fernando Haddad (PT) e José Serra (PSDB) aconteceria na próxima segunda-feira (22), mas não houve acordo entre partidos e emissora sobre o horário de exibição

iG São Paulo | - Atualizada às

A TV Record informou nesta quarta-feira (17) que não realizará o debate entre os candidatos que disputam a Prefeitura de São Paulo no segunto turno, Fernando Haddad (PT) e José Serra (PSDB). O debate seria realizado na próxima segunda-feira (22).

AE
José Serra (PSDB) e Fernando Haddad (PT) durante o debate realizado pela TV Cultura no primeiro turno

Veja o especial do iG sobre as eleições

Leia também: Record cancela debate e vira tema de troca de ataques entre candidatos

Segundo a nota oficial da assessoria de imprensa, não houve acordo entre as candidaturas e a emissora sobre o horário de exibição do debate. O embate seria exibido na faixa das 23h, mas os partidos exigiram que o evento ocorresse às 22h.

"A mudança seria incompatível com a grade de programação, o hábito do nosso telespectador e, principalmente, afetaria acordos comerciais assumidos anteriormente", afirma o comunicado.

Além do horário, a emissora diz que as campanhas também não aceitaram a regra que previa perguntas aos candidatos pela mediadora do programa, a jornalista Ana Paula Padrão.

Este é o segundo debate cancelado pela TV Record nesta eleição. No primeiro turno, o ex-candidato Celso Russomanno (PRB) e José Serra (PSDB) decidiram não participar no evento que seria realizado no dia 1º de outubro, o que motivou o cancelamento.

Segundo a emissora afirmou na ocasião, a candidatura tucana não teria respondido aos convites para acertar as regras e acordos do debate e o então líder nas pesquisas, Russomanno, informou que não participaria pois, na mesma data, nasceria sua filha.

O primeiro debate entre Haddad e Serra deve acontecer nesta quinta-feira (18), na TV Bandeirantes.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG