Lula fará comícios em três capitais do Nordeste no segundo turno

Ex-presidente vai a Salvador, Fortaleza e João Pessoa; a capital baiana será a única, além de São Paulo, que terá também a presença de Dilma

Agência Estado |

Agência Estado

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva vai a três capitais do Nordeste para reforçar a campanha de petistas no segundo turno. Nas três praças, os candidatos mantêm disputas acirradas. Na próxima terça-feira (23), Lula desembarca em Fortaleza para apoiar o petista Elmano de Freitas. Na sequência da viagem, sobe em palanques com Luciano Cartaxo em João Pessoa e com Nelson Pelegrino em Salvador.

Leia mais:  Serra usa mensalão e Haddad destaca saída do tucano da prefeitura

Fortaleza: Candidato do PDT diverge do partido e se diz neutro no 2º turno

A capital baiana será a única, além de São Paulo, que terá a presença, no segundo turno, tanto de Lula quanto da presidente Dilma Rousseff. Os dois, no entanto, estarão na cidade em dias diferentes, já que o comício de Dilma está previsto para sexta-feira, 19. No primeiro turno, o ex-presidente esteve em Belo Horizonte, Manaus e Salvador.

TV: ACM Neto ataca PT e Pelegrino compara gestões em Salvador

Curitiba:  'Ratinho Jr. lembra um pouco Fernando Collor', diz Fruet

Na principal cidade da Bahia, o PT concentra esforços para derrotar o candidato ACM Neto, do DEM, um dos principais opositores do governo petista. O democrata chegou ao segundo turno com 40,1% dos votos, um pouco à frente de Pelegrino (39,7%). Em Fortaleza, Elmano de Freitas superou por apenas dois pontos o candidato do PSB, Roberto Cláudio.

Leia mais:  PDT nacional intervém no diretório de São Paulo e anuncia apoio a Haddad

O PT deu-se melhor, no primeiro turno, em João Pessoa: Cartaxo teve 38,3% e seu adversário, o tucano Cícero Lucena, 20,2%. Além de se dedicar à campanha de Fernando Haddad em São Paulo, Lula vai a Campinas, no interior, em data a ser definida, em apoio ao petista Márcio Pochmann. Lula também fará novos comícios em Guarulhos, Diadema, Santo André e Mauá, cidades em que o PT continua no páreo.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG