Bancada evangélica terá sete vereadores na Câmara Municipal do Rio, 14% do total

Segmento religioso quase dobra. Para Silas Malafaia, que elegeu um, não há voto de cabresto. “Curral é o escambau!” Universal tem três; Assembleia de Deus, RR Soares e Eliseu Kessler elegem um cada. Suplente, mulher de Ezequiel Teixeira, substitui titular

Raphael Gomide iG Rio de Janeiro | - Atualizada às

Divulgação
Universal, de Edir Macedo, elegeu três no Rio

A bancada evangélica orgânica (apoiada expressamente por grupos religiosos) na Câmara Municipal do Rio se fortaleceu nas eleições que conduziram o prefeito Eduardo Paes ao segundo mandato .

O grupo de vereadores para o quadriênio 2013-2016, que fiscalizará o Rio na Copa de 2014 e nas Olimpíadas de 2016, terá sete membros (14% dos 51) que conseguiram o mandato graças à influência de suas igrejas. No atual mandato, até o fim do ano, são quatro, o que equivale a crescimento de 75%.

Leia mais sobre eleições no iG

Já tradicional no campo política, a Igreja Universal do Reino de Deus (Iurd) emplacou os três representantes que já estavam na Casa – Jorge Braz (PMDB), João Mendes de Jesus (PRB) e Tânia Bastos (PRB) –, e é denominação religiosa que mais elegeu candidatos.

Veja a apuração em sua cidade

Estreante apoiado por Silas Malafaia é o mais votado

Reprodução do facebook de Jorge Braz
Os três vereadores da Universal, agora reeleitos (Jorge Braz, Tânia Bastos e João Mendes de Jesus), no gabinete de Eduardo Paes

O mais bem votado individualmente entre os evangélicos, porém, foi o estreante Alexandre Izquierdo, que teve o nome ungido pelo influente pastor evangélico Silas Malafaia . Líder da juventude da Assembleia de Deus Vitória em Cristo, Izquierdo obteve 33.356 votos e foi o oitavo colocado entre todos os concorrentes a uma vaga. 

Leia também: Silas Malafaia dará a Serra apoio “discreto”, sem TV, no 2º turno em SP

“Ele foi líder da Juventude da igreja. É muito preparado intelectualmente. Aí, perguntei a ele: ‘Quer ser pastor ou político?’ Ele disse: ‘Tenho vontade de alcançar posições na política’. Aí decidiu: ‘Vou investir nele! E falei: ‘Se não tem candidato, tenho Alexandre Izquierdo. Mas o voto é seu, vote em quem quiser’”, contou Malafaia, ao iG .

"Esta eleição, nada mais foi do que a mão Dele em nossas vidas", diz eleito

O diretor do Centro Esportivo Miécimo da Silva (em Campo Grande, na zona oeste), Eliseu Kessler é filho do pastor Nemuel Kessler, da Assembleia de Deus, e teve 12.717 votos pelo PSD.

Divulgação
Eliseu Kessler é maquiado pela filha, antes de programa eleitoral

Em sua página no facebook, Kessler agradece a Deus e aos eleitores.

"Queridos, quando a vitória vem acompanhada da obediência a Deus, tudo sai perfeito. Esta eleição, nada mais foi do que a mão Dele em nossas vidas nos conduzindo desde o inicio. Nos avisou de tudo antes. Nosso Deus é lindo!!! Minha vida está em suas mãos. Agradeço aos meus 12.717 amigos que depositaram a sua confiança e manifestaram o carinho nas urnas. Através dos mesmos, obtivemos êxito em nosso pleito. Peço a Deus sabedoria e entendimento para legislar em favor de nossa sociedade com lisura e honradez. Muito obrigado!"

Apoiado pelo líder cristão RR Soares , o médico Jorge Manaia (PDT) conquistou uma cadeira, com 15.812 eleitores fiéis.

Seis dos vereadores da bancada evangélica orgânica foram eleitos diretamente, mas o grupo terá um reforço. A sétima representante será a já vereadora Márcia Teixeira, suplente da funkeira suspeita de tentativa de homicídio Verônica Costa (PR) , que deve entrar na Assembleia Legislativa do Rio, onde substituirá o prefeito eleito de Araruama, Miguel Jeovani (PR).

Reprodução do facebook de Márcia Teixeira
O apóstolo Ezequiel Teixeira fez propaganda para a mulher, Márcia Teixeira

Marido de Márcia, o apóstolo Ezequiel Teixeira, da igreja Projeto Vida Nova, fez campanha para a mulher, pedindo votos em panfletos e nas ruas. 

Após a derrota inicial, Márcia Teixeira agradeceu segunda-feira (8) no facebook aos que oraram por ela. "Estou muito tranquila, adorando e sendo grata ao Senhor porque a Sua vontade é boa, perfeita e agradável. Fiquei na primeira suplência e estamos muito tranquilos, certos de que a boa mão do Senhor está nos direcionando."

Na terça (9), já anunciou a boa-nova. "Fomos surpreendidos nesta madrugada com a notícia , mas, para a glória do Senhor, fui reeleita vereadora na cidade do Rio."

O ex-deputado estadual Missionário Armando José (PSB) teve 12.707 votos, mais do que 11 vereadores eleitos, mas não conseguiu entrar e engrossar a bancada dos evangélicos orgânicos.

“Curral é o escambau!”, diz Silas Malafaia

Luiz Roberto Lima/Futura Press
Silas Malafaia elegeu membro da igreja no Rio

Para Silas Malafaia, principal cabo eleitoral do campeão entre os evangélicos, Izquierdo, “há muito preconceito contra os evangélicos” e se considera que as igrejas são “currais (eleitorais) de pastores.

“Acham que evangélico é seminanalfabeto, primário, babaca, tapado, idiota. Na minha igreja, tem desembargadores, pelo menos 14 pessoas com doutorado ou cursando doutorado. Eu desafio a garotada: o primeiro que passar para Harvard (uma das melhores universidades do mundo) a igreja banca todo o curso.”

Segundo ele, “curral é o escambau”! “Se a Universal fosse curral, seriam oito vereadores, não três”, argumenta.

Para Malafaia, os 15% de representação na Câmara representam "um milagre". “É um número muito bom (15%). Você sabe que o voto para vereador é o mais difícil da eleição. É um voto que tem muita representação comunitária e não de grupos sociais. Voto de vereador é dificílimo. Para mim, é um milagre 15% serem de evangélicos, porque o perfil de vereador é voto de comunidade. Então isso é um negócio grande", afirmou.

O pastor da Assembleia de Deus Vitória em Cristo diz que não impõe o voto aos fiéis. “Falo em tudo o que é lugar: ‘Você é livre para votar em quem quiser. Não tem anjo contratado por pastor para fiscalizar e dedurá-lo.’ Quando digo isso, estou respeitando o direito de cada um de votar. Ganho muito mais do que se eu dissesse: ‘Vote aqui’, ou do que se encher o saco, fizer apelação espiritual, não adianta, dizer que este é o candidato de Deus, o resto é do diabo'!”

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG