Luciano Rezende supera favorito Luiz Paulo em Vitória, que terá 2º turno sem PT

Candidato do PPS ultrapassa favorito tucano, que aparecia nas pesquisas com mais de 12 pontos percentuais à frente do rival. Petista Iriny Lopes tem 18,4%

Raphael Gomide iG Rio de Janeiro | - Atualizada às

Divulgação
Luciano Rezende

O candidato do PPS à Prefeitura de Vitória, Luciano Rezende (PPS), cresceu na fase final da campanha e atropelou, ultrapassando o favorito e duas vezes prefeito Luiz Paulo Vellozo Lucas (PSDB), que aparecia à frente nas pesquisas de intenção de voto. Luciano teve 39,14% dos votos (73.757) contra 36,7% de Luiz Paulo  (69.143). Os dois disputarão a preferência do eleitorado no segundo turno.

Veja o especial: Eleições 2012

O PT, que tinha grande rejeição após João Coser governar a capital do Espírito Santo nos últimos oito anos, ficou fora do segundo turno. Iriny Lopes, ex-ministra da Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres, ficou com apenas 18,4% dos votos.

Confira a apuração em sua cidade no iG

Com o empurrão inicial do governador Renato Casagrande (PSB), que levou outros partidos a se juntar a sua aliança, e apoio do senador Magno Malta e de boa parcela do voto evangélico, o deputado estadual Luciano surpreendeu e chegou em primeiro.

Luciano, que sempre disse não confiar nas pesquisas, mostrou ter razão. Tanto na pesquisa do DataFolha como na do Ibope, ele aparecia muito atrás de Luiz Paulo. No DataFolha, Luiz Paulo tinha 39% e o candidato do PPS, 27%; no Ibope, a vantagem era ainda maior: 43% a 30%.

Resta saber agora de que maneira e com qual intensidade as duas principais forças políticas do Estado – o atual governador, Renato Casagrande (PSB), e o ex,Paulo Hartung (PMDB) – vão atuar no segundo turno da capital, com vistas tanto aos próximos quatro anos como de olho nas eleições de 2014.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG